Faça download dos Aplicativos de Leitura Kindle Gratuitos e comece a ler eBooks Kindle nos mais populares smartphones, tablets e computadores pessoais. Para enviar o link de download para seu smartphone por SMS, use o formato internacional sem espaços (Código Internacional+DDD+Número. Exemplo: +551199999999)

  • Apple
  • Android
  • Windows Phone
  • Android

Para receber o link de download digite seu celular:

Preço Kindle: R$ 1,99
Leia à vontade. Mais de 1 milhão de eBooks Saiba mais
Leia de graça
OU
OU

Essas promoções serão aplicadas a este item:

Algumas promoções podem ser combinadas; outras não são elegíveis. Para detalhes, por favor, acesse os Termos e Condições dessas promoções.

Entregar no seu Kindle ou em outro dispositivo

Entregar no seu Kindle ou em outro dispositivo

Anúncio do aplicativo do Kindle

A Arte de Morrer ou Marta Díptero Braquícero eBook Kindle

4.5 de 5 estrelas 15 avaliações de clientes

Ver todos os formatos e edições Ocultar outros formatos e edições
Preço
Novo a partir de Usado a partir de
eBook Kindle, 24 jul 2015
"Tente novamente"
R$ 1,99

Número de páginas: 7 páginas Configuração de fonte: Habilitado Page Flip: Habilitado
Idioma: Português

Kindle Unlimited
Kindle Unlimited
Leia este e mais de 1 milhão de eBooks de graça com Kindle Unlimited. Saiba mais.

Descrições do Produto

Descrição do produto

Um homem conhece uma garçonete em um restaurante esquecido por Deus. Uma mosca agoniza em seu prato. Díptero braquícero da família Muscidae.

Detalhes do produto

  • Formato: eBook Kindle
  • Tamanho do arquivo: 2851 KB
  • Número de páginas: 7 páginas
  • Quantidade de dispositivos em que é possível ler este eBook ao mesmo tempo: Ilimitado
  • Vendido por: Amazon Servicos de Varejo do Brasil Ltda
  • Idioma: Português
  • ASIN: B012I5CPA2
  • Dicas de vocabulário: Não habilitado
  • Leitor de tela: Compatível
  • Configuração de fonte: Habilitado
  • Avaliação média: 4.5 de 5 estrelas 15 avaliações de clientes
  • Lista de mais vendidos da Amazon: #39,293 entre os mais vendidos na Loja Kindle (Conheça os 100 mais vendidos na Loja Kindle)

Quais outros itens os consumidores compraram após visualizar este item?

Avaliação de clientes

Principais avaliações de clientes

Por Leila Gonçalves AVALIADOR Nº 1 em 2 de outubro de 2015
Compra verificada
Inspirado no absurdismo de Kafka, Bruno Ribeiro empresta a mosca que pousou na sopa do Raul Seixas para eviscerar a morte em vida.

Quem discorre sobre essa arte é um perito entomologista que frequenta bares esquecidos pela inspeção sanitária com o intuito de diagnosticar o problema por meio de sua visão Raio X, surrupiada de algum filme do Super-Homem.

Grotesco, cheirando gordura e com o sabor férrico de sangue, esse conto revela o estilo ousado e absolutamente pessoal do autor. Repleto de estranhezas, pode ser comparado a um exótico banquete, portanto, quem deseja apreciar um simples prato de bife com batatas fritas é melhor deixá-lo de lado.

Sem dúvida, Bruno Ribeiro ainda vai dar muito mais o que falar...
2 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
De Kafka e Palahniuk, Bruno Ribeiro tem na medida certa! O encontro de um cliente, uma garçonete, um bife suculento e um inseto resulta em um encontro inusitado com a boa literatura.
Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Compra verificada
Excelente forma de capturar uma dita realidade através de uma amálgama de ironia, crueza, bons diálogos e imprevisibilidade. Trabalhando um conto com a exatidão paranoica pela biologia das moscas em contraponto com o niilismo do personagem, Bruno cria uma realidade que se aproxima e muito do cinema, do noir, dessas células em que grandes tragédias podem estar comprimidas em um cenário minimalista. O conto tem um arsenal de diálogo em que mostra que o autor está muito bem dominando tudo, como um diretor que dirige um curta com total independência de outros fatores. E o foco é isso. Irretocável.
1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Deixa claro que as obras literárias também tiveram espaço no Brasil em Prosa.

Nos leva para uma realidade suja, em decomposição, mas com frases, parágrafos e conjunto lapidados com habilidade.

As questões que ele desperta também merecem destaque em seu realismo cru.

Pode-se encontrar um viés preconceituoso, mas duvido que se trate disso de fato pois forma-se um laço de cumplicidade entre os personagens e o leitor. É um dos meus favoritos para primeiro lugar.
1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Por André Timm AVALIADOR TOP 1000 em 26 de julho de 2015
A existência humana se dá, afinal, com que propósito? Nesse breve e engenhoso conto, o autor nos coloca diante de uma das perguntas mais ancestrais, cuja resposta, pode ser menos grandiosa do que gostaríamos. Nossa vida, no final, vale mais que a de uma simples mosca? De Lispector à Kafka, muitos dos grandes autores se questionaram de maneira semelhante. Bruno Ribeiro mostra que partilha das mesmas inquietações e do mesmo talento para expressá-las. Recomendo.
1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Compra verificada
Bruno tem uma habilidade fora do comum para criar personagens interessantes, narradores interessantes e situações interessantes. Certa vez ele disse que, se tem uma coisa que ele faz questão, essa coisa é que seus textos sejam divertidos. E não tem outra não: ele consegue isso com maestria. Impossível ler seus contos e não imaginá-los na telona. A Arte de Morrer ou Marta Díptero Braquícero é um conto brilhante, mas não para quem tem estômago de maricas.
1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Por Astier Basilio em 30 de julho de 2015
Compra verificada
foi o que senti ao ler o conto.
Uma narrativa redonda. Diálogos bem trabalhos - o momento em que a garçonete sai do piloto automático, ao aludir à barata, em meio a conversa destritiva sobre a mosca que o cliente fazia, é magistral.
1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Este conto é uma sequência lógica do Arranhando Paredes. A escrita do autor claramente evoluiu desde então, embora mantenha o apreço aos temas da decadência, loucura e morte.
1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
click to open popover

Procure por itens similares por categoria