R$ 34,88
  • Preço de capa: R$ 59,90
  • Você economiza: R$ 25,02 (42%)
Frete GRÁTIS em pedidos a partir de R$ 99 para as regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste e a partir de R$ 139 para Norte e Nordeste.
Em estoque.
Enviado e vendido por Amazon.com.br.
Virar para trás Virar para a frente
Ouvir Reproduzindo... Pausado   Você está ouvindo uma amostra da edição em áudio do Audible.
Saiba mais
Ver todas as 2 imagens

O Capital no Século XXI (Português) Capa Comum – 3 nov 2014

4.1 de 5 estrelas 66 avaliações de clientes

Ver todos os 2 formatos e edições Ocultar outros formatos e edições
Preço
Novo a partir de Usado a partir de
eBook Kindle
"Tente novamente"
Capa Comum
"Tente novamente"
R$ 34,88
R$ 34,88 R$ 32,50

Leia Enquanto Enviamos
Leia Enquanto Enviamos
Compre e comece a ler a amostra digital deste livro enquanto espera ele chegar. Saiba mais aqui.
click to open popover

Frequentemente comprados juntos

  • O Capital no Século XXI
  • +
  • Por que as Nações Fracassam. As Origens do Poder, da Prosperidade e da Pobreza
Preço total: R$ 119,39
Compre os itens selecionados juntos

Faça download dos Aplicativos de Leitura Kindle Gratuitos e comece a ler eBooks Kindle nos mais populares smartphones, tablets e computadores pessoais. Para enviar o link de download para seu smartphone por SMS, use o formato internacional sem espaços (Código Internacional+DDD+Número. Exemplo: +551199999999)

  • Apple
  • Android
  • Windows Phone
  • Android

Para receber o link de download digite seu celular:



eBooks na Loja Kindle
eBooks em oferta na Loja Kindle
Todos os dias, novos eBooks com desconto. Vem.

Detalhes do produto

  • Capa comum: 672 páginas
  • Editora: Intrínseca; Edição: 1ª (3 de novembro de 2014)
  • Idioma: Português
  • ISBN-10: 8580575818
  • ISBN-13: 978-8580575811
  • Dimensões do produto: 23,4 x 16,4 x 3,6 cm
  • Peso do produto: 907 g
  • Avaliação média: 4.1 de 5 estrelas  Ver todas as análises (66 avaliações de clientes)
  • Lista de mais vendidos da Amazon: no. 845 em Livros (Conheça o Top 100 na categoria Livros)

Descrições do Produto

Sobre o Autor

Diretor da Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais na França e professor da Escola de Economia de Paris, Thomas Piketty publicou diversas obras sobre história e economia que lhe garantiram, em 2013, o Prêmio Yrjõ Jahnsson, conferido pela Associação Europeia de Economia.

Quais outros itens os consumidores compraram após visualizar este item?

Avaliação de clientes

Principais avaliações de clientes

Formato: eBook Kindle Compra verificada
O autor propõe uma abordagem multidisciplinar e pretende aplicar as teorias de John Rawls e Amartya Sen. Eu efetuei uma leitura sob a ótica do Direito, minha área de atuação.
É muito bom o histórico da tributação sobre o patrimônio e heranças no início do século XX na Europa, além de descrever os cadastros de patrimônio o que é fundamental para efetuar a tributação.
O livro não fornece dados sobre o Brasil, mas se revela útil para a leitura que adotei, uma que é notória a desigualdade de renda entre capital e trabalho. Assim fornece subsídios para a instituição do imposto sobre grandes fortunas, previsto no artigo 153, inciso VII da Constituição, bem como do imposto sobre a transmissão causa mortis (herança) e doação, previsto no artigo 155, inciso I da Constituição.
A análise da dinâmica do sistema financeiro na globalização e a proposta de uma tributação mundial revela-se um tanto otimista, em vista do número de países no mundo que não têm uma sistema democrático.
Enfim um livro que merece ser lido com atenção.
19 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Formato: eBook Kindle Compra verificada
O livro cai na armadilha de tentar ser profundo e científico ao extremo e, ao mesmo tempo, um livro para leitores não acadêmicos. Assim, os primeiros 2/3 compilam dados e tabelas e fórmulas que muitas vezes se repetem para dizer o seguinte: 1. Os dados podem ser imprecisos e apontam tendências ou cenários possíveis e não certezas absolutas. 2. A diminuição da concentração da riqueza no século XX foi causada pelos choques nas e entre as duas guerras mundiais, efeito que a partir dos 90 se reverteu para uma concentração de riqueza próxima ao final do século 19. 3. O capital ocioso ( ou não produtivo) voltou a rentabilizar, quando é de grande soma, mais do que o crescimento econômico. No seu terço final o autor aponta algumas reflexões sobre o Estado Social ( e não socialista) e os mecanismos para lidar com a economia numa sociedade globalizada. Algumas são reflexões muito interessantes. Me surpreendeu que ele atribui a desconcentração às ações destrutivas das duas grandes guerras e ignora por completo a influência da revolução comunista na Rússia ( na 1a guerra) e o fortalecimento da mesma após a Segunda Guerra. As classes dominantes nos países ricos entenderam que era melhor aumentar os salários e criar mecanismos de previdência e seguridade social do que encarar o risco de uma revolução. A partir da queda do Império Soviético ( anos 90) a desigualdade voltou a aumentar. Ao contrário do que dizem algumas críticas o autor não faz uma ode ao comunismo e/ou marxismo. Ao contrário, prima pela preocupação com a democracia e mostra que a concentração exacerbada da riqueza ameaça o estado democrático. Por outro lado, não acredita no poder regulatório do mercado o que fica bem comprovado nas grandes crises, a mais recente em 2008. Leitura um tanto maçante no início que se torna interessante no terço final.
22 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Formato: eBook Kindle Compra verificada
O ponto mais interessante da obra de Piketty foi mostrar baseado em dados e fatos históricos como a concentração de renda oprimiu, oprime e oprimira aqueles que só têm sua força de trabalho para vender. O fato das políticas de Estado estarem a serviço do rentismo em detrimento do crescimento dos países velam a crê que teremos um século de grande exclusão social. Sem a taxação das heranças, sem o imposto progressivo sobre a renda e sem o controle de capitais não haverá um Mundo justo e igualitário. A exploração do mercado sobre os cidadãos será avassalador neste século XXI.
4 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Formato: eBook Kindle
Como um ebook pode ser mais caro que um livro físico??????? Só queria saber isso.... quanto ao livro, é excelente! Ainda que algumas conclusões possam ser contestadas ou possam ter uma interpretação diferente da do autor, a base de dados utilizada é massiva e o processamento dessas informações todas deve ter sido colossal.
1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Formato: Capa comum Compra verificada
O livro é um estudo de como o modelo atual não consegue diminuir a diferença entre o fato dos mais ricos cada vez ficarem mais ricos se apropriando do capital total de uma sociedade, ou seja as desigualdades sociais dificilmente serão diminuídas pelo modelo atual.
Pela tese do autor os detentores do capital tem uma crescimento médio de toda a sua fortuna de 4 % ou 5 % ao ano, enquanto os países crescem no máximo 1 % a 1,5% ao ano, isto faz com que os ricos fiquem cada vez mais ricos, pois a herança faz com que a pessoa administre apenas para nao perder o seu status atual. O único momento que isto nao aconteceu foram nos períodos entre as guerras que geraram uma grande ruptura nos detentores dos capitais, isto faz sugerir que o modelo atual pode gerar rupturas frequentes.
1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Formato: eBook Kindle Compra verificada
A edição em português ficou muito boa. Versão digital ficou ótima. Aqueles que criticam o conteúdo deveriam primeiro terminar a leitura do livro. É uma pena que façam críticas ao livro sem sequer estarem lendo ele.
9 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Por cau em 4 de novembro de 2014
Formato: eBook Kindle
O economista francês Thomas Piketty (43 anos) se tornou em pouco tempo um nome reconhecido no mundo após a publicação do livro “O capital no século 21”, onde defende que o capitalismo, sem a devida regulamentação, não é a solução para reduzir a desigualdade ampla entre ricos e miseráveis. Muito pelo contrário, tende sempre à concentração de riqueza nas mãos de um grupo menor. A crise vivida no ocidente recentemente é um exemplo disso.

Para alcançar a conclusão, Piketty fez um extenso trabalho estatístico levantando o rastro da riqueza e sua concentração desde o final do século XVIII nos principais países europeus. Mas o economista recebeu críticas, especialmente do Financial Times, por ter preenchido lacunas de pontos que ficaram incompletos através de interpolações.

“O que é normal em qualquer trabalho estatístico que exige uma série longa”, defendeu Luiz Gonzaga Belluzzo, ex-secretário de Política Econômica, que participou do debate. Segundo ele, os estudos de Piketty também já eram feitos por outros economistas reconhecidos, dentre eles, Edward Wolff, Thomas Palley e o prêmio Nobel de Economia Paul Krugman. “Todos eles trabalham [em seus estudos] com o 1% da população, àqueles que se apropriam da maior parte da renda”, explicou o professor.

Logo após as críticas do FT, Paul Krugman escreveu um extenso artigo para o New York Times defendendo Piketty e declarando que a obra do francês mudará a maneira pela qual os economistas pensam a sociedade e concebem a economia. Não à toa o livro se tornou um dos mais vendidos na Amazom.com.
Saiba mais ›
59 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso

Avaliações mais recentes de clientes


Procure por itens similares por categoria