Faça download dos Aplicativos de Leitura Kindle Gratuitos e comece a ler eBooks Kindle nos mais populares smartphones, tablets e computadores pessoais. Para enviar o link de download para seu smartphone por SMS, use o formato internacional sem espaços (Código Internacional+DDD+Número. Exemplo: +551199999999)

  • Apple
  • Android
  • Windows Phone
  • Android

Para receber o link de download digite seu celular:

Preço digital sugerido: R$ 2,99
Preço Kindle: R$ 2,98
Leia à vontade. Mais de 1 milhão de eBooks Saiba mais
Leia de graça
OU
OU

Essas promoções serão aplicadas a este item:

Algumas promoções podem ser combinadas; outras não são elegíveis. Para detalhes, por favor, acesse os Termos e Condições dessas promoções.

Entregar no seu Kindle ou em outro dispositivo

Entregar no seu Kindle ou em outro dispositivo

Anúncio do aplicativo do Kindle

Excalibur - Parede de escudos eBook Kindle

5.0 de 5 estrelas 2 avaliações de clientes

Ver todos os formatos e edições Ocultar outros formatos e edições
Preço
Novo a partir de Usado a partir de
eBook Kindle
"Tente novamente"
R$ 2,98

Número de páginas: 20 páginas Configuração de fonte: Habilitado Page Flip: Habilitado
Idioma: Português

Kindle Unlimited
Kindle Unlimited
Leia este e mais de 1 milhão de eBooks de graça com Kindle Unlimited. Saiba mais.

Descrições do Produto

Descrição do produto

Conto da antologia Excalibur - histórias de reis, magos e távolas redondas de Eduardo Kasse, autor da série Tempos de Sangue. A guerra era constante e moldou a Britannia. Sangue e suor fizeram parte da alquimia da ilha de desde os primeiros anos da colonização humana. E no século VI – uma data “provável” para a existência de Artur – as batalhas estavam cada vez mais ferozes. A vida e a morte, a escravidão e a liberdade dos povos eram decididos nas paredes de escudos.

Detalhes do produto

  • Formato: eBook Kindle
  • Tamanho do arquivo: 1223 KB
  • Número de páginas: 20 páginas
  • Editora: Draco (20 de dezembro de 2012)
  • Vendido por: Amazon Servicos de Varejo do Brasil Ltda
  • Idioma: Português
  • ASIN: B00B4CSMS0
  • Dicas de vocabulário: Não habilitado
  • Leitor de tela: Compatível
  • Configuração de fonte: Habilitado
  • Avaliação média: 5.0 de 5 estrelas 2 avaliações de clientes
  • Lista de mais vendidos da Amazon: #126,915 entre os mais vendidos na Loja Kindle (Conheça os 100 mais vendidos na Loja Kindle)

Avaliação de clientes

5 estrelas
2
4 estrelas
0
3 estrelas
0
2 estrelas
0
1 estrela
0
Confira as duas avaliações de clientes
Compartilhe suas ideias com outros clientes

Principais avaliações de clientes

Por Marcos de Sousa AVALIADOR TOP 500 em 31 de janeiro de 2017
Formato: eBook Kindle Compra verificada
Depois de ler dois livros do Eduardo Kasse, O Andarilho as sombras, Deuses Esquecidos, Guerras Eternas e O Despertar da Fúria, tornei-me um fã. Assim que soube do conto escrito por ele, tive que conferir. Neste conto, assim como em seus livros, ele não decepcionou.

O conto começa com uma batalha entre os celtas residentes da Britânia, os ditos bárbaros, e o exército romano. Do lado romano, o exército comandado por Aetius era bem preparado, armado com lâminas mortíferas e protegido por elmos e escudos resistentes. Já pelo lado bárbaro, os soldados eram, na verdade, fazendeiros que carregavam ferramentas e armas velhas.

“(...) a parede de escudos se fechou novamente, compacta. Somente as malignas lâminas dos gládios despontavam pelas frestas entre os escudos.Eles eram a elite do mundo. Os conquistadores de povos.”

Tudo indicava que o um massacre ocorreria, porém, do lado britânico, um Merlin com aparência de louco invocava os deuses e pedia proteção. Tomado pelos deuses pagãos, ele muda o rumo da primeira batalha. E, apesar de muitos mortos, os bárbaros conquistam o inimaginável.

“Quando o sangue se inflama, até os mais despreparados podem se tornar feras sem piedade.”

Depois da batalha, os moribundos sobreviventes voltaram para seus respectivos lares, em busca de reorganização para o próximo confronto que viria. A rainha Buddug, que comandava os povos celtas, manda que eles se reestruturem, pois novas batalhas viriam. Ela estava confiante de que dominaria os invasores e expulsaria os romanos de sua casa.

“ – Vamos chutar uns rabos romanos! – gritou com um sorriso largo no rosto.Os guerreiros se levantaram com alvoroço e zombarias.
Saiba mais ›
Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Formato: eBook Kindle Compra verificada
Há tempos não lia cenas de batalha tão bem feitas, sem amenidades e sem meias palavras. Me lembrou muito o estilo de Bernard Cornwell, mas com uma visão própria do mito arturiano.

Recomendo para quem gosta do mundo medieval. É uma pena que é curtinho!
Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
click to open popover