R$ 18,69
  • Preço de capa: R$ 34,90
  • Você economiza: R$ 16,21 (46%)
Frete GRÁTIS em pedidos a partir de R$ 99 para as regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste e a partir de R$ 139 para Norte e Nordeste.
Em estoque.
Enviado e vendido por Amazon.com.br.
Virar para trás Virar para a frente
Ouvir Reproduzindo... Pausado   Você está ouvindo uma amostra da edição em áudio do Audible.
Saiba mais
Ver todas as 2 imagens

O Feiticeiro de Terramar (Português) Capa Comum – 5 set 2016

4.5 de 5 estrelas 21 avaliações de clientes

Ver todos os 2 formatos e edições Ocultar outros formatos e edições
Preço
Capa Comum
"Tente novamente"
R$ 18,69
click to open popover

Frequentemente comprados juntos

  • O Feiticeiro de Terramar
  • +
  • Guerra do Velho
Preço total: R$ 46,64
Compre os itens selecionados juntos

Faça download dos Aplicativos de Leitura Kindle Gratuitos e comece a ler eBooks Kindle nos mais populares smartphones, tablets e computadores pessoais. Para enviar o link de download para seu smartphone por SMS, use o formato internacional sem espaços (Código Internacional+DDD+Número. Exemplo: +551199999999)

  • Apple
  • Android
  • Windows Phone
  • Android

Para receber o link de download digite seu celular:



eBooks na Loja Kindle
eBooks em oferta na Loja Kindle
Todos os dias, novos eBooks com desconto. Vem.

Detalhes do produto

  • Capa comum: 320 páginas
  • Editora: Arqueiro; Edição: Ciclo Terramar (5 de setembro de 2016)
  • Idioma: Português
  • ISBN-10: 8580415217
  • ISBN-13: 978-8580415216
  • Dimensões do produto: 23 x 16 x 1,6 cm
  • Peso do produto: 340 g
  • Avaliação média: 4.5 de 5 estrelas  Ver todas as análises (21 avaliações de clientes)
  • Lista de mais vendidos da Amazon: no. 2,613 em Livros (Conheça o Top 100 na categoria Livros)

Descrições do Produto

Sobre o Autor

Ursula K. Le Guin nasceu em outubro de 1929 em Berkeley, na Califórnia, e é filha do antropólogo Alfred Kroeber e da escritora Theodora Kroeber. Estudou na Radcliffe College e na Universidade de Columbia e se casou, em Paris, com o jovem historiador Charles Le Guin. A autora tem uma vasta obra, que inclui poesia, contos e romances, publicada e traduzida no mundo todo. Foi vencedora dos mais renomados prêmios da literatura fantástica: Hugo, Nebula, Locus, Asimov, Lewis Carroll, Shelf, World Fantasy, entre outros. Por O feiticeiro de Terramar, recebeu ainda o prêmio Horn Book, do jornal The Boston Globe.

Quais outros itens os consumidores compraram após visualizar este item?

Avaliação de clientes

4.5 de 5 estrelas
Compartilhe suas ideias com outros clientes

Principais avaliações de clientes

Formato: Capa comum
Escrito na década de 60, esse livro não é um daqueles que vai agradar universalmente. Para mim ele foi ótimo mas, dentro do gênero que foi escrito, pode não corresponder às expectativas.

Este não é um daqueles títulos cheios de ação, reviravoltas, personagens de caráter dúbio, construções super detalhistas de cada ambiente, batalhas, diálogos engraçados e outros itens que são comuns nas obras recentes de fantasia. Aliás, nem poderia ter tudo isso, já que tem menos de duzentas páginas. Assim, o que vemos é uma trama relativamente simples e linear, muito mais focada em ideias e em execução, ponto forte da escritora. É um livro a respeito do amadurecimento de um jovem feiticeiro, de como o personagem se insere e interage com o mundo e com as pessoas ao seu redor e sobre como ele toma consciência de si mesmo e de seus atos. Talvez, o maior mérito da autora nessa obra tenha sido a capacidade de, com esse enredo, alcançar satisfatoriamente públicos de todas as idades.

Acredito que apresentar o objeto seja a maior contribuição que posso dar àquela pessoa que quer se decidir a respeito da compra ou não da obra. Cada um lê com suas motivações e expectativas e, eliminando a assimetria de informação, podemos ser mais justos com a obra. Parte disto é identificar se a proposta tem uma execução coerente e de qualidade e nisso, para mim, o livro foi impecável.
16 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Formato: Capa comum
Publicado inicialmente em[...]
Fico um pouco incomodado quando comentam sobre clichês literários: há toda uma questão de época em que foi feito, com cenário sociopolítico, influências e – claro – há a questão de determinado autor ter começado o que hoje se denomina clichê. Então, ao começar a ler o livro eu me coloquei no final da década de 60, mas conforme avançava eu me assustei, porque o livro inova e quebra paradigmas mesmo para os padrões atuais. Não há batalhas grandiosas com exércitos, nem heróis perfeitos, ou uma grande força maligna que ameaça a humanidade; o livro é sobre um garoto crescendo, errando, aprendendo, e tecendo seu caminho.

Ao meu ver, o mais fantástico dessa obra é a capacidade que tem de misturar a narrativa com questões profundas de modo sutil, criando camadas conscientes e inconscientes que acabam criando uma sensação única de empatia e intimidade.Terramar_02.jpg Vemos o protagonista sofrendo com seus erros, aprendendo que não há como desfazer uma ação, apenas decidir como terminá-la; descobrindo a morte, que é presente na obra de um modo natural e recorrente, sem medo; entendendo a sombra que há em cada um e que podemos escolher como lidar com nossos pesadelos e fraquezas.

Apesar de ter sido pensada como uma história para crianças maiores, e que funciona maravilhosamente para elas – linguagem simples, narrativa fluida e personagens cativantes, tem uma profundidade que encanta leitores de qualquer idade!
Saiba mais ›
5 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Formato: Capa comum
O Feiticeiro de Terramar é um clássico da fantasia. Até o lançamento deste livro (em 1968), os únicos modelos de magos conhecidos eram velhos sábios barbudos e poderosos (Gandalf, Merlin, etc). Ursula foi a primeira autora a escrever uma fantasia com o protagonista sendo um jovem mago aprendendo como lidar com seus poderes. E sua primeira aventura é uma lição de vida sobre autoconhecimento, além de apresentar a famosa questão do equilíbrio entre o bem e o mal. Outro fator chave para a inovação de Ursula foi o fato dela escrever um protagonista que não é branco - mas os leitores só conseguem perceber isso entre o meio e o fim da história.
A história é incrivelmente diferenciada e abriu caminhos para outros autores que hoje são famosos no gênero, como J.K. Rowling e Neil Gaiman.
A autora é simplesmente maravilhosa e já ganhou muitos prêmios por suas obras de fantasia e ficção científica. Se você é fã desses gêneros, tem obrigação de conhecer seus títulos!!
18 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Por R. Fonseca Rodrigues em 8 de março de 2017
Formato: eBook Kindle Compra verificada
Cada dia mais me convenço que nosso maior desafio ou inimigo somos nós mesmos. Nessa aventura adolescente vemos a procura de um mago poderoso por ele mesmo; superando orgulho e ambição e enaltecendo a amizade e a orientação dos mais velhos. Tomara todos nós descubramos melhores do q somos .
Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Formato: Capa comum Compra verificada
Essa trilogia é uma obra prima! Quem colecionava a antiga Coleção Argonauta de Portugal conhece bem e quem ler hoje irá identificar como foi um livro que influenciou e ainda influencia gerações. Que venham Os Túmulos de Atuan e O Outro Lado do Mundo!
2 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Formato: Capa comum Compra verificada
Somente nos últimos tempos Ursula Le Guin começa a ser traduzida efetivamente no Brasil e, tal qual na ficção científica (com "A Mão Esquerda da Escuridão" e, em breve, Os Despossuídos, pela ed. Aleph), vem para somar e diversificar a literatura de fantasia e retirá-la um pouco da mesmice. Os elementos costumeiros da fantasia (a jornada do heroi, a escola de magia, o dragão etc.) são trabalhados em meio a uma narrativa muito mais competente do que a média dos livros recentes de fantasia (e é bom lembrar que, afinal, esse livro é de 1968), evitando clichês e realmente trazendo algo novo. E como se trata de Ursula Le Guin, há sempre algo mais profundo - social e moralmente falando - por detrás de uma narrativa que já é por si só técnica, competente e interessante. Esperemos que a editora traga toda a série de Terramar.
5 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso

Avaliações mais recentes de clientes


Procure por itens similares por categoria