R$ 27,60
  • Preço de capa: R$ 42,90
  • Você economiza: R$ 15,30 (36%)
Frete GRÁTIS em pedidos a partir de R$ 99 para as regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste e a partir de R$ 139 para Norte e Nordeste.
Em estoque.
Enviado e vendido por Amazon.com.br.
Virar para trás Virar para a frente
Ouvir Reproduzindo... Pausado   Você está ouvindo uma amostra da edição em áudio do Audible.
Saiba mais
Ver todas as 2 imagens

Pedra no Céu (Português) Capa Comum – 14 jul 2016

4.8 de 5 estrelas 10 avaliações de clientes

Ver todos os formatos e edições Ocultar outros formatos e edições
Preço
Novo a partir de Usado a partir de
Capa Comum, 14 jul 2016
"Tente novamente"
R$ 27,60
R$ 27,60 R$ 19,99
click to open popover

Frequentemente comprados juntos

  • Pedra no Céu
  • +
  • O Cair da Noite
  • +
  • O Fim da Eternidade
Preço total: R$ 86,94
Compre os itens selecionados juntos

Faça download dos Aplicativos de Leitura Kindle Gratuitos e comece a ler eBooks Kindle nos mais populares smartphones, tablets e computadores pessoais. Para enviar o link de download para seu smartphone por SMS, use o formato internacional sem espaços (Código Internacional+DDD+Número. Exemplo: +551199999999)

  • Apple
  • Android
  • Windows Phone
  • Android

Para receber o link de download digite seu celular:



eBooks na Loja Kindle
eBooks em oferta na Loja Kindle
Todos os dias, novos eBooks com desconto. Vem.

Detalhes do produto

  • Capa comum: 312 páginas
  • Editora: Aleph (15 de julho de 2016)
  • Idioma: Português
  • ISBN-10: 8576573210
  • ISBN-13: 978-8576573210
  • Dimensões do produto: 20,6 x 13,2 x 2 cm
  • Peso do produto: 381 g
  • Avaliação média: 4.8 de 5 estrelas  Ver todas as análises (10 avaliações de clientes)
  • Lista de mais vendidos da Amazon: no. 1,275 em Livros (Conheça o Top 100 na categoria Livros)

Descrições do Produto

Resenha Especializada

Isaac Asimov é um dos maiores autores da ficção científica de todos os tempos. Entre suas obras estão ''Eu, Robô'', a trilogia ''Fundação'' e ''O fim da eternidade''. De leitura leve e divertida, esse romance é uma introdução perfeita à extensa bibliografia de Asimov. A ilustração da capa veio da edição do livro publicada em 1974 e foi criada por Peter Elson, lendário ilustrador britânico de livros de ficção científica e fantasia.

Mensagem do Autor

Qualquer planeta é a Terra para aqueles que nele vivem.

Quais outros itens os consumidores compraram após visualizar este item?

Avaliação de clientes

4.8 de 5 estrelas
5 estrelas
8
4 estrelas
2
3 estrelas
0
2 estrelas
0
1 estrela
0
Ver todas as 10 avaliações dos clientes
Compartilhe suas ideias com outros clientes

Principais avaliações de clientes

Por Juliano AVALIADOR TOP 500 em 7 de abril de 2017
Compra verificada
A leitura flui facilmente. A história é contagiante, e é difícil largá-lo antes do ponto final. Foi meu primeiro livro do Asimov, e a experiência foi maravilhosa. Agora é partir para a série "Fundação" e me deliciar com as histórias do Império Galáctico. Recomendo a todos que gostam de um ótimo livro de ficção.
Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Compra verificada
O Mestre mais uma vez demonstra com seu característico talento que não há como separar a tecnologia do caráter dos homens agora ou no futuro.
Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Um conto escrito em 1949, que foi ampliado para ser o primeiro romance do autor, publicado em 1950, apenas quatro anos após a explosão de Hiroshima. Na época não se dava a devida importância aos efeitos que os baixos níveis de radioatividade poderiam ter sobre os seres vivos.
A história tem início em 1949, Chicago. Um alfaiate aposentado, Joseph Schwartz, que gostava de livros de poesia, satisfeito com a vida, caminhava tranquilamente por uma praça num lindo dia. Ao dar um passo, com cuidado para não pisar sobre uma boneca de uma criança que brincava com outras no local, apenas depois desse simples passo, toda sua vida sofre uma mudança radical.
“Ele ergueu o pé para passar por cima de uma boneca de pano que sorria em seu estado de abandono no meio da calçada, uma enjeitada cuja falta ainda não fora sentida. Ele não havia colocado de todo o pé no chão outra vez...”
Ao mesmo tempo, na mesma cidade, um acidente no Laboratório de Pesquisa Nuclear.
“O que quer que tenha acontecido, meu jovem, eu posso lhe dizer o que vi. Aquele recipiente de platina apresentava uma coroa. Estava ocorrendo uma forte radiação. Você disse urânio? ”
Quanto a Schwartz, ele desmaia e acorda sem conseguir lembrar-se de nada. Ele não consegue entender o que as pessoas falam, parece que ele desmaiou na primavera e acordou no outono. Não reconhece o local onde há poucos minutos caminhava e onde morou por anos. Ele conclui que está sofrendo de algum tipo de amnésia.
“Nunca houve um homem tão desamparado quanto aquele que não consegue lembrar”.
Após passar por uma série de situações estranhas, o alfaiate percebe que de alguma forma ele foi lançado para um futuro distante.
“Milhares de anos!
Saiba mais ›
4 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
O Asimov dispensa comentário, livro inteligente e cheio de metáforas com críticas à nossa sociedade, de preconceitos entre as raças até a compaixão, são temas propostos que permeiam o livro. Fora a menção ao grande legado que seria a série fundação. Asimov e Athur C Clark são geniais em descrever a sociedade em forma de ficção científica. Nota 10
Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Asimov sempre foi um escritor de personagens. Claro, seus universos são ricos em descrições de tecnologias, cenários, geografias, mas é nas dinâmicas humanas e na evolução do espírito humano que sua escrita sempre brilhou com mais intensidade.

Em Pedra no Céu, ele equilibra ao mesmo tempo temas como racismo, alienação, isolamento, ganância, paixão, depressão e outros em um tenso conjunto de situações que coloca a radioativa terra e o universo em perigo iminente. Na obra de Asimov, há tempo para o amor, há tempo para o conflito, para a luta e para heróis improváveis, que não seguem o "manual de design" do herói clássico, tampouco está preso ao mito da jornada do herói.

Outro tema recorrente nas obras de Asimov é a busca pelas estrelas, pela conquista de novas fronteiras. Porém, em Pedra no Céu, a fronteira a ser conquistada é a mente. Joseph Scwartz conquista os limites impostos por seu deslocamento no tempo e dá os passos necessários em sua evolução mental para ser mais do que poderia ser e do que a humanidade poderia ser. Ao conquistar esse passo, faz as escolhas necessárias para conquistar seus próprios demônios, medos e rancores.

Pedra no Céu, parte da série do Império (publicada na ordem cronológica da série, e não na ordem lógica) é mais um tijolo no corpo da obra de Asimov, e fundamental para estabelecer as séries dos Robôs e da Fundação.
1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso

Procure por itens similares por categoria