Faça download dos Aplicativos de Leitura Kindle Gratuitos e comece a ler eBooks Kindle nos mais populares smartphones, tablets e computadores pessoais. Para enviar o link de download para seu smartphone por SMS, use o formato internacional sem espaços (Código Internacional+DDD+Número. Exemplo: +551199999999)

  • Apple
  • Android
  • Windows Phone
  • Android

Para receber o link de download digite seu celular:

Preço digital sugerido: R$ 31,40
Preço Kindle: R$ 29,83

Economize
R$ 1,57 (5%)

OU

Essas promoções serão aplicadas a este item:

Algumas promoções podem ser combinadas; outras não são elegíveis. Para detalhes, por favor, acesse os Termos e Condições dessas promoções.

Entregar no seu Kindle ou em outro dispositivo

Entregar no seu Kindle ou em outro dispositivo

Anúncio do aplicativo do Kindle

Rita Lee: uma autobiografia eBook Kindle

4.5 de 5 estrelas 93 avaliações de clientes

Ver todos os 2 formatos e edições Ocultar outros formatos e edições
Preço da Amazon
eBook Kindle
"Tente novamente"
R$ 29,83
Capa comum
"Tente novamente"

Número de páginas: 296 páginas Configuração de fonte: Habilitado Page Flip: Habilitado
Idioma: Português
  • Devido ao tamanho do arquivo, o download deste livro poderá ser mais demorado

eBooks na Loja Kindle
eBooks em oferta na Loja Kindle
Todos os dias, novos eBooks com desconto. Vem.

Descrições do Produto

Descrição do produto

“Do primeiro disco voador ao último porre, Rita é consistente. Corajosa. Sem culpa nenhuma. Tanto que, ao ler o livro, várias vezes temos a sensação de estar diante de uma bio não autorizada, tamanha a honestidade nas histórias. A infância e os primeiros passos na vida artística; sua prisão em 1976; o encontro de almas com Roberto de Carvalho; o nascimento dos filhos, das músicas e dos discos clássicos; os tropeços e as glórias. Está tudo lá. E você pode ter certeza: essa é a obra mais pessoal que ela poderia entregar de presente para nós. Rita cuidou de tudo. Escreveu, escolheu as fotos e criou as legendas - e até decidiu a ordem das imagens -, fez a capa, pensou na contracapa, nas orelhas... Entregou o livro assim: prontinho. Sua essência está nessas páginas. E é exatamente desse modo que a Globo Livros coloca a autobiografia da nossa estrela maior no mercado.”


Guilherme Samora é jornalista e estudioso do legado cultural de Rita Lee


Detalhes do produto

  • Formato: eBook Kindle
  • Tamanho do arquivo: 10629 KB
  • Número de páginas: 589 páginas
  • Editora: Globo Livros (3 de novembro de 2016)
  • Vendido por: Amazon Servicos de Varejo do Brasil Ltda
  • Idioma: Português
  • ASIN: B01MQDMR6F
  • Dicas de vocabulário: Não habilitado
  • Configuração de fonte: Habilitado
  • Avaliação média: 4.5 de 5 estrelas 93 avaliações de clientes
  • Lista de mais vendidos da Amazon: #110 entre os mais vendidos na Loja Kindle (Conheça os 100 mais vendidos na Loja Kindle)

Avaliação de clientes

Principais avaliações de clientes

Por Cliente Amazon AVALIADOR TOP 1000 em 19 de novembro de 2016
Formato: eBook Kindle Compra verificada
Rita Lee, a grande estrela do rock nacional, apresenta a sua história. Não é, em particular, a história dos mutantes ou da estrela Rita Lee. É a história franca e escancarada da figura humana com suas qualidades e defeitos, suas derrotas e sucessos, de como a menina caçula de uma família de classe média paulistana, apaixonada pela família, mas de atitude rebelde e experimentadora, que tinha tudo pra dar errado, como qualquer um de nós, deu certo e errado. Suas histórias da infância, adolescência, dos mutantes e seu casamento bem sucedido(contra todas as possibilidades e causações que ela própria originou) com Roberto Carvalho, sua bipolaridade, seus filhos e a consciência de que a vida tem um fim e que pode ser melhor vivida, que vem com o nascimento da neta. Tudo isso escrito de uma forma agradável e leve. Uma joia pra quem viveu isso tudo, como eu, acompanhando a sua carreira, mas sobretudo um presente para aqueles que nem eram nascidos mas que, em tempo de Spotify e Deezer, podem ter acesso à uma discografia riquíssima. Recomendo muito.
6 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Formato: Capa comum Compra verificada
Vida e carreira da Rita Lee certamente são das mais intensas entre os artistas brasileiras. Desde os mutantes até a reclusão recente, RIta Lee viveu de maneira intensa e isso certamente fez parte da música dela. Fala sobre tudo, as drogas, a música, convivência com artistas, sobre o abuso que sofreu na infância (uma parte séria no livro), sem pretender se mostrar como um exemplo, para o bem ou para mal. Simplesmente alguém que conta a sua vida com sinceridade e sem saudosismo ou ressentimento.

O livro conta a história de maneira bem agradável. Sob a perspectiva dela, naturalmente, mas, como ela mesma apontou, quem discordar, pode escrever a própria autobiografia para contar sua perspectiva das histórias. Rita analisa a passagem dela pelo Mutante sem mitificar a banda, quase com certo desdém, mas é muito interessante ver o ponto de vista dela dessa época tão rica culturalmente e que deixou um legado gigante. Os mutantes também são representados com alguma rapidez no texto, toda essa fase deve ter umas 50 páginas, deixando a impressão que ainda tem muitas histórias por contar (a autora aponta que não lembra de tudo no início do livro, o que mostra que está sendo coerente).

O livro tem muitas fotos, o que é bem legal, ilustrando ricamente uma vida tão peculiar e pública nos últimos 50 anos. O aspecto negativo (que não chega a comprometer o todo) é que o período dos mutantes é pouquíssimo representado.
Saiba mais ›
17 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Formato: eBook Kindle Compra verificada
Além de compositora e cantora, Rita Lee revela-se agora uma excelente escritora. Acabei hoje a leitura do livro e já estou com saudade das aventuras da sua autora. Rita Lee tem a incrível capacidade de rir de si mesma e de fazer leves até mesmo momentos de sua vida bastante difíceis. Sua infância com seus pais e suas irmãs, além de seus animais, tem passagens hilárias. Adorei e ri muito de sua conversa com Gilberto Gil sobre o convite para a participação dos Mutantes com ele em um dos festivais de música para cantarem juntos nada menos que o maravilhoso "Domingo no Parque". Durante o festival, nos bastidores, ela e os Mutas (como ela chama os Mutantes), riam e debochavam da caretice reinante, colocando apelidos em todos os participantes mais famosos. Sua paixão até hoje por Roberto Carvalho é comovente. Gostei do fantasminha palpiteiro que aparece de vez em quando no final de alguns capítulos para acrescentar alguma informação esquecida ou não bem descrita. Somente no final do livro descobre-se quem é o fantasminha abelhudo. A questão com as drogas é tratada com honestidade e ausência de culpa. Se você está procurando um livro para ler nas férias, dar de presente e comentar com os amigos, esse foi escrito para você.
4 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Por Raffa Fustagno AVALIADOR TOP 10 em 23 de janeiro de 2017
Formato: Capa comum Compra verificada
Vamos aos fatos: eu sempre ouvi músicas de Rita Lee interpretadas por outros cantores. Nunca fui a nenhum show dela, muito menos tive um cd ou dvd. Porque então ler uma biografia dela? Porque obviamente me interessei pela falação apresentada nos meios de comunicação de que seu livro tinha alcançado 100 mil cópias vendidas e de que tinham muitas partes reveladoras.

Lá fui eu fazer a leitura em e-book da obra. Rita, filha caçula de um descendente de americanos, Charles, que ela chama de Sargento o livro quase inteiro, e de uma filha de italianos nasce em uma casa que ela apelidou de harém, tudo porque com mais duas irmãs mais velhas e uma quase avó morando com elas seu pai era o único homem do lugar.

Infância comum para época, não fosse pelo abuso sofrido por ela com um homem que foi consertar a tv de sua casa quando Rita tinha apenas 7 anos. Quando ela narra o fato sentimos a dor dela que por ingenuidade não entendeu muito o que tinha acontecido, mas se lembra bem de que a partir desse fato horrendo sua mãe e irmãs passaram a lhe tratar com a caçula traumatizada, que tudo podia aprontar porque era uma coitadinha, seu pai morreu sem saber disso.

Um pai severo que nada permitida, dentista de celebridades como Maisa, Sérgio Cardoso...e na casa dela nunca faltou nada. Sempre amou animais e música e foi com muita alegria que passou a tocar violão.

Narrado sempre por Rita mas com notas de um ghost writer quando a memória dela falha, a história as vezes vai e volta o que faz com que tenhamos que estar atentos a inúmeros nomes citados de famosos ou não e das épocas, confesso que me confundi um pouco.
Saiba mais ›
1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso

Avaliações mais recentes de clientes

click to open popover