Faça download dos Aplicativos de Leitura Kindle Gratuitos e comece a ler eBooks Kindle nos mais populares smartphones, tablets e computadores pessoais. Para enviar o link de download para seu smartphone por SMS, use o formato internacional sem espaços (Código Internacional+DDD+Número. Exemplo: +551199999999)

  • Apple
  • Android
  • Windows Phone
  • Android

Para receber o link de download digite seu celular:

Preço Kindle: R$ 1,99
Leia à vontade. Mais de 1 milhão de eBooks Saiba mais
Leia de graça
OU
OU

Essas promoções serão aplicadas a este item:

Algumas promoções podem ser combinadas; outras não são elegíveis. Para detalhes, por favor, acesse os Termos e Condições dessas promoções.

Entregar no seu Kindle ou em outro dispositivo

Entregar no seu Kindle ou em outro dispositivo

Anúncio do aplicativo do Kindle

Théo e a Maldição das Cores eBook Kindle

5.0 de 5 estrelas 10 avaliações de clientes

Ver todos os formatos e edições Ocultar outros formatos e edições
Preço
Novo a partir de Usado a partir de
eBook Kindle, 23 jan 2016
"Tente novamente"
R$ 1,99

Número de páginas: 258 páginas Configuração de fonte: Habilitado Page Flip: Habilitado
Idioma: Português

Kindle Unlimited
Kindle Unlimited
Leia este e mais de 1 milhão de eBooks de graça com Kindle Unlimited. Saiba mais.

Descrições do Produto

Descrição do produto

Théo tem sete anos e é o príncipe herdeiro de Dracoon, reino onde todos os habitantes têm cabelos, olhos e pele em vários tons de marrom. Filho único do rei mais rico e poderoso dos Cinco Reinos, Théo tem tudo para se tornar um monarca sábio, leal e justo, mas para isso ele precisa aprender a ser um cavaleiro em um reino vizinho, como manda a tradição.

O treinamento continuou até que poucos meses antes de completar dez anos, os pais de Théo lhe contaram um segredo: ele nasceu diferente e para que permanecesse no reino eles usaram uma poção mágica que, infelizmente, só fez efeito por uma década.

Agora, o príncipe Théo deve ir até a Floresta das Almas Perdidas onde mora Blanche, a bruxa, para receber de novo a poção, e nesse caminho que vai lhe mostrar quem realmente ele é, Théo vai contar com um cavalo, um gato falante, um monstro azul e muita coragem.

Detalhes do produto

  • Formato: eBook Kindle
  • Tamanho do arquivo: 4594 KB
  • Número de páginas: 258 páginas
  • Vendido por: Amazon Servicos de Varejo do Brasil Ltda
  • Idioma: Português
  • ASIN: B01B0H3FUI
  • Dicas de vocabulário: Não habilitado
  • Leitor de tela: Compatível
  • Configuração de fonte: Habilitado
  • Avaliação média: 5.0 de 5 estrelas 10 avaliações de clientes
  • Lista de mais vendidos da Amazon: #35,192 entre os mais vendidos na Loja Kindle (Conheça os 100 mais vendidos na Loja Kindle)

Quais outros itens os consumidores compraram após visualizar este item?

Avaliação de clientes

5 estrelas
10
4 estrelas
0
3 estrelas
0
2 estrelas
0
1 estrela
0
Ver todas as 10 avaliações dos clientes
Compartilhe suas ideias com outros clientes

Principais avaliações de clientes

Há cinco reinos: Dracoon (cor marrom), Azurium (cor azul), Lux (cor amarela), Lilac (cor violeta) e Viridis (cor verde). Para cada reino existe uma Lei da Pedra com o seguinte teor: todos os habitantes precisam nascer com a cor de seu reino e os que não nascem são banidos. Théo, príncipe de Dracoon, nasce diferente e até metade do livro não sabemos o que acontece para sua permanência ser permitida no reino.

Aos sete anos, Théo vai para o reino de Azurium com o objetivo de se transformar em um cavalheiro. O menino acaba se tornando o criado de Agostim, filho do rei. Mimado, rancorozo, com más influências e sem limites, Agostim faz de tudo para tornar a vida de Théo uma verdadeira tormenta.

Com a proximidade do aniversário de dez anos, o menino recebe a visita dos pais, porém Théo nem imaginava o real motivo e o que o esperava. Prestes a descobrir sobre seu verdadeiro eu e com uma jornada iminente até uma lendária bruxa, o menino terá que lidar com seus medos e suas inseguranças.

A história é leve e ao mesmo tempo muito profunda, carregada com uma bela mensagem de amor e aceitação. Além disso, é interessante ver a evolução do personagem principal, seu amadurecimento e o desenvolvimento de sua auto-confiança.

Théo e a Maldição das Cores é escrito para o público infantojuvenil, porém, considerando a escrita envolvente de Anaté e um enredo muito bem elaborado, o livro não se limitará a encantar apenas crianças e atingirá também jovens e adultos.

A capa é apaixonante e com certeza uma das minhas favoritas. Aguardo ansiosamente por uma versão física desse livro, pois com certeza quero que meus filhos possam, não só ouvir sobre Théo, como ler e reler essa obra magnífica.
2 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Esse livro conta a história de Théo. Mas antes que possa contar sobre sua história, vou lhes contar sobre a Lei da Pedra. Essa lei ela é predominante em cinco reinos: Draccon (os habitantes desse reino eram marron-claro), Lilac (os habitantes possuiam uma cor violeta), Azurium (os seus habitantes tinham uma cor azul, isso mesmo azul), Viridis (os habitantes tinham uma cor verde) e Lux (os habitantes tinham uma cor amarela). E cada reino possui uma Lei da Pedra: cada habitante deveria ter as cores de seu reino, caso nascesse um habitante não tendo as devidas cores, o mesmo seria banido de seu reino.

Mas o que essa Lei tem haver com o Théo??? Tudo. Théo é o principe de Dracoon e ele nasceu diferente e seus pais tiveram que tomar algumas providências. Muito tempo se passou depois da devida providência tomada, e Théo esatava prestes a sair de casa para se tornar um cavalheiro e assim poder assumir o reino que lhe é de direito.

Mas advinhem com que idade, ele estava saindo de casa??? Sete anos!!! E ele passaria por um treinamento intenso em outro reino para se tornar um cavalheiro por completo.

Mas para ele se tornar esse cavalheiro e também assumir o seu lugar de direito, ele tem que sair de casa e fazer o seu treinamento no reino vizinho. E nesse caso seria o reino de Azurium aos cuidados de seu padrinho Adamastor. Mas Adamastor tinha os seus próprios problemas, e deixou Théo para ser o criado de seu filho, Agostim.

Agostim não gostava de Théo e isso era um sentimento bem antigo (que é contato mais para frente).
Saiba mais ›
1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
"Tudo isso porque antes de se tornar rei, Théo deve aprender a ser um homem e para isso ele vai contar apenas com um cavalo, um gato falante e um monstro azul."

Théo é filho dos reis do Reino de Dracoon que é o reino mais poderoso dos Cincos Reinos e é filho único e amado, mas terá uma responsabilidade futura que pode ser maior que sua idade pode suportar, já que ele possui apenas sete anos.

Em todos os grandes Cincos Reinos sempre existia a presença da Pedra da Lei que estava escrito: " Os homens e mulheres nascidos em Nome do Reino devem portar as cores do reino na pele, nos olhos, nos cabelos e nas roupas. Qualquer outra cor não será permitida. Quem desrespeitar essa lei será banido." Então qualquer criança que não nascesse com a cor correspondente de seu reino, seria expulsa do mesmo e consequentemente seria exilada sem retorno ao reino.

O pai de Théo fez uma promessa ao rei Adamastor do reino de Azurium( cor azul) que quando o garoto completasse 7 anos seria enviado para ser preparado para ser acompanhante do príncipe herdeiro do trono de Azurium. A mãe não queria isso, mas o rei de Dracoon devia cumprir sua promessa.

Théo vai feliz para Azurium, mas quando é deixado pelos seus amorosos pais se ver severamente perseguido por Agostim que era o filho do rei Adamastor e que possuía uma caráter nem um pouco integro desde a morte de sua mãe e que fizera de sua educação uma piada desonrosa para seu pai e nutria raiva de Théo, porque o jovem era bem visto pelo rei.

"[..
Saiba mais ›
1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso

Avaliações mais recentes de clientes

click to open popover

Procure por itens similares por categoria