Avaliações dos clientes

50 PRINCIPAIS AVALIADORES
19 de dezembro de 2016
Um excelente livro infanto-juvenil, mas também de interesse para qualquer idade. É uma obra de arte, as ilustrações se integrando muito bem com o texto. É daqueles livros em que autor e ilustrador são coautores, a obra não seria a mesma sem um ou outro.

Em sua apresentação da quarta capa, diz Alcides Villaça:
“Ninguém espera nada de mais quando uma história de meninos começa assim: ‘Naquele tempo havia muitos quintais...’ .... Pois o leitor logo verá que se engana: esta é uma história dura.”

Sim, é isto. Porém, mesmo com a dureza deste pequeno drama, havia quintais e, portanto, casas. E ruas, e travessuras, a meninada aprontava. Era um tempo diferente, o da infância de Wander Piroli, e mesmo ainda da minha, uma geração depois. Um outro tempo, em que a molecada circulava livremente, sem perigo, pela rua, não com um smartphone, à procura de Pokemons, mas com um bodoque (ou atiradeira), cuja munição poderiam ser pedras (como no livro) ou mamonas (de onde você acha que saiu o nome dos famosos “Mamonas Assassinas”?) De fato, o antigo bodoque tem importante papel nesta história.

Chico Buarque também se lembrou do bodoque ao escrever a belíssima e evocativa letra de “João e Maria” para uma valsa de Sivuca, composta muito antes, em 1947, e gravada por Nara Leão e Chico em 1977:
“Eu enfrentava os batalhões
Os alemães e seus canhões
Guardava o meu bodoque
E ensaiava um rock para as matinês.”

Então, “O matador”, publicado postumamente em 2008 (Wander Piroli faleceu em 2006, aos 75 anos), é memória, reminiscências, mas também relato da dureza que também faz parte da vida.

A Cosac Naify tinha um projeto de reeditar a obra completa de Wander Piroli, que incluiria três títulos inéditos, "Três menos um é igual a sete" e ainda "Os peixes saem andando" e "Se não tem pra nós, não tem pra ninguém”.

Mas, infelizmente, a editora anunciou o encerramento de suas atividades ao final de 2015. Foi dito que alguns projetos poderiam ter continuidade, mas não se sabe quais. Depois, seu site saiu do ar, então nem é mais possível fazer consultas sobre os títulos publicados.

Quatro ainda podem ser encontrados:

> Com ilustrações de Lelis:

1. O menino e o pinto do menino, de 1975, o primeiro livro infantil do autor, edição de 2015 *** [K] *** R
2. Os Rios Morrem de Sede, de 1976, edição de 2015 *** [K] *** R
3. Três menos um é igual a sete, publicado em 2014 *** R

> Com ilustrações de Odilon Moraes

4. O matador, de 2008 *** R

O paulista Odilon Moraes, arquiteto, sempre foi ilustrador de livros, tornando-se depois também um autor. Pelas ilustrações de "O matador", ganhou o Prêmio Jabuti de 2009 na categoria Ilustração de Livro Infantil ou Juvenil.

Na editora Cosac Naify, coordenou a seleção de ilustradores para a coleção "Dedinho de Prosa", para a qual ilustrou

1. O homem que sabia javanês , de Lima Barreto *** R
2. O presente dos Magos, de O. Henry *** R
3. Será o Benedito!, de Mario de Andrade *** R

LIVROS DE AUTORIA de Odilon Moraes também na Cosac Naify

1. A princesinha medrosa
2. Pedro e Lua
3. Ismália, sobre o poema de Alphonsus de Guimaraens
4. O Presente, um livro só de imagens

A edição muito bem cuidada sob todos os aspectos é uma marca da Cosac Naify, importante casa que revolucionou o mercado editorial brasileiro. Então, os títulos tendem a se esgotar com o tempo e não serem reimpressos. Assim, é aconselhável adquiri-los enquanto estão disponíveis.

>>> *** [K] – Disponíveis também em e-book Kindle na Amazon brasileira (em novembro / 2016).

>>> *** R – Já resenhado por mim. Para ler minha resenha, role a página do livro até que ela apareça. Em livros com muitas resenhas, pode ser necessário clicar em “Veja todas as avaliações do cliente (mais recente primeiro)” e depois rolar.
7 pessoas acharam isso útil
0Comentar Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

4,3 de 5 estrelas
10 classificações de cliente
5 estrelas
73%
4 estrelas
13%
3 estrelas 0% (0%) 0%
2 estrelas 0% (0%) 0%
1 estrela
14%
R$35,00+ Frete GRÁTIS em pedidos enviados pela Amazon acima de R$ 99 em livros ou R$ 149 em outros produtos.