Avaliações dos clientes

3 de fevereiro de 2019
Sabe quando nos dizem que as melhores coisas dessa vida são as mais simples?
Pois bem, isso resume bem o meu sentimento com esta obra. Ela é de uma simplicidade incrível, mas é capaz de nos despertar as mais variadas emoções.

UMA HISTÓRIA DE VIDA: Entre pontos nos conta a história de Pedro, o Pedrinho já que o médico está se lembrando de fatos ocorridos há 27 anos atrás, quando ele era ainda um garotinho.
Caçula de uma família de três irmãos, Pedrinho não tem com quem ficar após a escola, já que pai e mãe trabalham fora, assim como os irmãos mais velhos. A solução é o menino acompanhar o pai, Álvaro, durante a sua jornada como motorista de ônibus.

SOBRE NADA (MAS SOBRE TUDO): A simplicidade de Entre Pontos está no roteiro. Tantos autores querendo escrever de formas rebuscadas, criando mundos inteiros, criaturas fantásticas, linguagens e religiões e J.L.Amaral consegue nos encantar com uma história sobre o cotidiano.
Sim, cada capítulo é sobre um dos passageiros do ônibus, sobre o cobrador ou um dos familiares de Pedro. E como várias dessas narrativas vão se conectando para formar... a vida.
LIÇÃO DE VIDA: É bem fácil reconhecer a moral da história que é a de que devemos fazer o bem sem desejar nada em troca, viver a vida sem prejudicar a ninguém e ainda ajudar quando possível. Pedrinho tem contato com os mais variados tipos de pessoas em situações que vão do cômico ao dramático, passando pelo romantismo.

LIÇÃO DE ESCRITA: A obra prima pelas frases curtas, diálogos naturais e o autor ainda usa trocadilhos que poderiam ter ficado infames, mas de alguma forma funcionam perfeitamente como quando ele diz que o motorista "conduzia" sua vida ou que as amizades criadas entre as pessoas que frequentavam o ônibus não eram "passageiras".

IDENTIFICAÇÃO: A história se passa em São Paulo, aparentemente entre as décadas de 70 e 80, um pouquinho antes da minha infância, mas o suficiente para gerar muita identificação. Como morador dessa metrópole por 30 anos foi fácil identificar os lugares descritos, além de o estilo de vida da família de Pedrinho se assemelhar bastante com a que tive.
Isso melhorou ainda mais a minha experiência e me conectou completamente com a história.

CONCLUSÃO: Entre pontos é uma grande lição de humildade e simplicidade que resultou numa história doce, emocionante e com uma técnica impecável. Eu, que sempre encontro algum errinho, não consegui encontrar uma única vírgula fora do lugar. Primoroso!
1 pessoa achou isso útil
0Comentar Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

4,9 de 5 estrelas
47
R$9,90