Avaliações dos clientes

500 PRINCIPAIS AVALIADORES
31 de agosto de 2019
Gosto muito das estórias da Nana, mas minhas avaliações são baseadas no conteúdo do livro, e não na minha afeição ao autor. Misturar hipersexualidade com o drama de uma família que perdeu seu único filho, foi deprimente. O tema deveria ter sido melhor abordado, afinal a compulsividade é uma doença e, deve ser tratada. A mensagem que, todos temos defeitos e devemos aceita-los, foi recebida. No entanto, ler cenas de um pai que se dispõe à manter relações sexuais com a namorada do filho que acabou de falecer, me deixou enjoada. E o pior, a menina tem 18 anos, transa com qualquer um, em qualquer lugar e não se importa com a degradação do seu corpo, devido ao excesso de sexo. Ainda tem uma amiga viciada em maconha. Poxa já não basta a realidade que vivemos? Se a autora queria causar, digo que teve sucesso. Ouvir dizer que a Nana já havia avisado que esse livro seria algo mais carnal... Mas o que eu li foi uma verdadeira pornografia, com direito a "mão"...🤢
Sei que os livros da autora contém muitas cenas de sexo, mas o erotismo está se tornando pornografia, e isso cansa o leitor.
Infelizmente avalio esse e-book com 1 estrela. Se vc é do tipo que adora uma pornografia, eu te recomendo "Aquele Homem". Agora, se vc gosta de um romance erótico com uma boa estória, eu não recomendo a leitura desse livro.
180 pessoas acharam isso útil
33 comentários Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

4,3 de 5 estrelas
340 classificações de cliente
R$5,99