Avaliações dos clientes

10 PRINCIPAIS AVALIADORES
9 de agosto de 2019
Na ousadia de me arriscar a criticar algo que a maioria das pessoas já aprovou, minha opinião sobre o livro é que a tese do autor foi muito bem elaborada, mas sua escrita deixou a desejar. A obra é morosa, cansativa, cheia de expressões abstratas e respostas evasivas, o que fez com que muitas pessoas com quem conversei desistisse de terminar a leitura antes mesmo de chegar até a metade do livro. Eu mesmo me senti um herói ao terminá-lo.

Sua maior crítica abrange a questão de como as pessoas hoje não conseguem curtir o MOMENTO PRESENTE, principalmente pelo mito de que se não formos multitarefas, sentiremos a sensação de ficarmos para trás dos outros. De que se não fizermos duas, três ou quatro coisas ao mesmo tempo, ficaremos com nosso conhecimento defasado

E assim surgem aquelas pessoas que não conseguem aproveitar a sensação de um bom almoço por revezar cada garfada com uma mexida no celular, ou que são incapazes de curtir um momento em família por levar as preocupações do trabalho para casa.

Do ponto negativo, alguma de suas alegações não fizeram muito sentido pra mim. Por exemplo, ao abordar sobre a questão do PASSADO e do FUTURO, fazendo comparações entre a despreocupação que crianças e animais têm desses tempos com adultos, o autor ignora uma diferença de realidades gigantesca. Oras, quando crianças, de fato temos pouquíssimas preocupações com nosso futuro. Não conseguimos visualizar a importância de investir nosso tempo em atividades que nos trarão retorno a dali 20 anos. Agora, quando adultos, não dá para simplesmente ignorar esse tipo de planejamento e viver só o momento do AGORA.

Nessa mesma linha, o livro "10% mais feliz" é muito melhor...
review image
4 pessoas acharam isso útil
0Comentar Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

4,6 de 5 estrelas
350 classificações de cliente
R$20,61