Avaliações dos clientes

Avaliado no Brasil em 26 de março de 2020
Este foi o primeiro livro com temática mais adulta que leio em muito tempo. E tenho que agradecer por esta ter sido minha primeira leitura de 2020, pois foi um livro completo!
O livro em si, é grande, repleto de descrições - as vezes um pouco cansativas - e intercalam histórias do passado e do presente. As personagens são boas, são intrigantes, confusas e quase reais!
Em muitos momentos eu senti pena de Douglas, personagem que narra a história, acho que a esposa e o filho o tratavam de uma forma muito ruim, em outros momentos, entendia a esposa Connie, e o filho Albie.
Há muito mais o que falar deste livro, mas apesar do muito que ele já me ensinou, eu vou precisar de mais um tempinho para "digerir" ele, tem que se refletir muito sobre toda história e sobre o que cada personagem representa.
Aos que possam interessar, o livro vai falar sobre as relações que acercam a vida das personagens durante uma viagem familiar de férias pela Europa, sobre os amores, de esposa e marido, filho e mãe, pai e filho. Vai falar sobre encontros e reencontros, com antigos amores e com si próprio, fará o leitor sentir raiva, felicidade, frustração, rebeldia, liberdade e toda uma gama de sentimentos. Vai falar sobre como mudanças são difíceis, mas terrivelmente necessárias e que amar alguém é algo tão complexo que não dá mais para definir em conceito propriamente dito, nem em um verbete de dicionário, nem nas maiores e mais detalhadas das resenhas
12 pessoas acharam isso útil
Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

4,4 de 5 estrelas
4,4 de 5
246 classificações globais