Avaliações dos clientes

50 PRINCIPAIS AVALIADORES
Avaliado no Brasil em 10 de agosto de 2020
Senhora é um romance da fase urbana de José de Alencar, publicado em forma de folhetim semanal em capítulos nos jornais em 1874.
Alencar era um critico do modo de vida da sociedade brasileira do século 19 e também um excelente criador de personagens femininas marcantes para sua época.
Aurelia, a personagem principal, era uma menina de 19 anos que em pouco tempo saiu da pobreza para a riqueza através de uma herança inesperada.
Fernando, abandonou Aurelia, enquanto esta ainda não tinha recursos em função de um casamento de conveniência, que por sua vez, em um curto espaço de tempo também não se concretizou, uma vez que Aurelia, através de seu tutor ofereceu a Fernando um dote maior e o roubou da noiva.
Casaram-se, Aurelia e Fernando, e na noite de núpcias, ela anunciou que havia comprado um marido, apensa para provar que ele não tinha caráter e era um fraco, mas que o casamento não se consumaria.
O que vemos a partir dai é um turbilhão de eventos, bem detalhados por Alencar que mostra dia a dia, mês a mês, os 11 meses desta união traumática, um verdadeiro pesadelo para os dois.
Diga-se de passagem que muitos eventos e razões só são possíveis devido a época em que aconteceram, dificilmente algo sequer similar teria vez na sociedade atual.
O curioso é que tanto Aurelia, quanto Fernando se amam, mas não aceitam, ele se submetendo aos caprichos de sua dona e ela espezinhando a vida dele o máximo permitido.
Por ser um romance divulgado em capítulos semanais, há muitos eventos esticados ao máximo pelo autor, como um baile em casa de Aurelia que se arrasta por três capítulos inteiros apenas para descrever uma dança dos dois cônjuges.
Já pertinho do final, como é usual em Alencar, a historia sofre uma reviravolta, e um final feliz termina acontecendo.
Este é um livro para quem gosta de José de Alencar e da literatura recuo 19.
Não aconselho sua leitura caso nunca tenha lido nada de José de Alencar, mas é um excelente livro, de leitura rápida e divertida, nele Alencar prova mais uma vez seu lugar entre os maiores escritores brasileiros do século 19.
7 pessoas acharam isso útil
0Comentar Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

4,7 de 5 estrelas
4,7 de 5
370 classificações globais