amazon-prime-video Baby Beauty Books eBooks Kindle eBooks Kindle Cloud Drive Photos Electronics fashion Fire TV Stick home_clean home_improvement home_kitchen Office Computers sports VideoGames wireless

Avaliações dos clientes

10 PRINCIPAIS AVALIADORES
26 de outubro de 2018
Esse review é baseado na edição de capa preta da Darkside mas que vale também para a de capa amarela, uma vez que o conteúdo é rigorosamente igual. Também é importante notar que muitos dos reviews que aqui estão (Out/2018) referem-se de forma incorreta à edição de 'Drácula' da Companhia das Letras. Mas é interessante comparar as duas edições para decidir qual é a mais indicada para a leitura desta que é uma das obras mais importantes do horror de todos os tempos.

Se o seu objetivo for estritamente ler o texto e não se importa tanto com a beleza do livro ou seus extras, a edição da Companhia das Letras pode ser uma boa opção, dado que é a coleção Penguin é de ótima qualidade, com ótima impressão papel e diagramação, apesar de ser uma edição bem espartana, sem maiores atrativos além do texto em si, por ter poucos extras. Comparando os primeiros capítulos, a qualidade da tradução entre as duas edições me pareceu bem semelhante e de boa qualidade. Como é um livro menor e mais barato, pode ser uma escolha adequada para algumas pessoas.

Por outro lado, se você deseja a edição *definitiva* da obra para ler, reler, consultar, admirar ao longo de sua vida, esta edição da Darkside é a escolha correta: o próprio sobrinho-neto de Bram Stoker escreve a introdução e afirma que esta é a edição mais próxima que o avô teria idealizado para o romance. Além da beleza da edição, com a capa emulando um livro antigo, com um dourado nas páginas, além de uma diagramação interna linda, cheio de detalhes em vermelho-sangue (o que mais?) e morcegos que fazem a leitura ficar bem mais prazerosa, a quantidade de extras faz com que essa edição se sobressaia: o conto "O hóspede de Drácula", que poderia fazer parte do romance; resenhas de diversos escritores (Arthur Conan Doyle, Oscar Wilde); entrevista com Bram Stoker; fac-símiles dos originais; fotos de filmes, do autor, do Conde Dracul... Enfim, materiais para conhecer muito mais sobre o autor, o livro e sua influência.

O único ponto que não posso endossar nesta edição (a dark) é a capa: ela tem a aparência de couro, mas é 'apenas' uma capa cartão dura... Se fosse um material semelhante a couro (como o Pipoca&Nanquim fizeram para Beasts of Burden) ou se tivesse algum tipo de relevo, aí seria um material perfeito. Fora isso, é uma capa bem bonita, com algumas figuras e textos em dourado.

Creio que é melhor nem falar muito sobre o livro em si, mais de um século de histórias contadas sobre um dos mais famosos personagens da história ocidental já mostram sua importância histórica. O melhor que qualquer leitor tem a fazer é mergulhar de cabeça na leitura deste excepcional livro e conhecer por si mesmo o texto que deu origem a toda essa tradição de histórias de vampiros que deverá continuar enquanto existir a humanidade. Desejo uma ótima leitura a todos!
review imagereview imagereview imagereview imagereview image
196 pessoas acharam isso útil
11 comentário Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

4,6 de 5 estrelas
117
R$46,70+ Frete GRÁTIS em pedidos enviados pela Amazon acima de R$ 99 em livros e games ou de R$ 149 em outros produtos.