Avaliações dos clientes

30 de janeiro de 2017
Quem me conhece sabe que eu sou fã de carteirinha da Lorraine Heath, ao todo já li 17 livros dela com esse e posso dizer que a cada livro dela que leio minha admiração por seu trabalho cresce mais e mais.
Esse livro é o primeiro volume de uma série composta por três livros e um conto, e em Codinome Lady V temos a história da Minerva Dodger e do Duque de Ashebury. Pra quem acompanha o trabalho da Lorraine, a Minerva é uma conhecida de longa data e por que? Bem, tudo começa na série Scoundrels of St. James onde acompanhamos no livro Between the Devil and Desire a história de seus pais (essa série é composta por cinco livros e foi baseada no livro Oliver Twist do Charles Dickens, nem preciso dizer que é excelente né? Rsrs'), após terminar essa série a Lorraine começou outra a Scandalous Gentlemen of St. James relatando as histórias dos filhos dos casais dos livros da série Scoundrels of St. James. Na série Scandalous Gentlemen of St. James é que conhecemos a Minerva, nos três primeiros livros (essa série é composta por três livros até o momento, com o quarto previsto para sair em junho desse ano e a promessa do quinto) ela é um personagem muito presente, principalmente no primeiro livro da série o When the Duke was Wicked que relata a história de seu meio-irmão e sua melhor amiga, o Lovingdon e a Grace.
Por tudo isso eu acredito que a Gutenberg deveria ter publicado essas duas séries antes de publicar Os Sedutores de Havisham, para assim termos toda aquela nostalgia e compreendermos mais profundamente todas as histórias interligadas dos personagens. Mas há um problema em ler esse livro antes de ler essas duas séries que o antecede? Não, pois a Lorraine sabe escrever muito bem de forma que você não se sente perdido, sentindo falta de informações. Agora se você é como eu que gosta de ter um conhecimento aprofundado, então recomendo antes de embarcar nesse encarar a leitura das duas séries que citei acima.
Bem, esclarecido esses pontos, vamos à história.
A Lorraine nos presenteia aqui a história de uma iminente solteirona que, por querer amor, rejeitou todos os pretendentes que teve interessados apenas em seu dote, mas que acredita que não é porque ela será uma solteirona que não deverá conhecer os prazeres que ocorrem na noite de núpcias. E assim nossa mocinha resolve ir ao clube Nightingale, um clube em que mulheres podem escolher amantes sem manchar sua reputação (ou seja, elas vão mascaradas), e dessa forma ela atrai a atenção do nosso mocinho, o Duque de Ashebury. O Ashe tem um passado muito doloroso, seus pais morreram em um terrível acidente de trem e órfão aos oito anos de idade foi enviado juntamente com os também órfãos Conde de Greyling e seu irmão gêmeo Edward, para a mansão Havisham já que o novo tutor deles era o Marquês de Marsden. O louco Marquês de Marsden que também tinha um filho, o Locksley. E assim em meio ao sofrimento e descuido esses quatro rapazes cresceram juntos, sempre unidos, porém cada um com sua particularidade.
O Ashe tem uma grande paixão pela fotografia e um segredo: adora tirar fotos das pernas de mulheres. E é exatamente isso o que ele propõe a Minerva (disfarçada de Lady V), que ela seja sua modelo por aquela noite, o que a choca muito, afinal aquela aventura tomou proporções totalmente inesperadas. A partir daí começa a história dos dois, recheada de dúvidas, uma dose de mistério afinal o Ashe queria saber quem era a Lady V, certezas, amor e orgulho. Sim, orgulho. Orgulho que faz o Ashe perder o controle de seus bens e ficar à beira da falência. Orgulho que faz ele que já suspeitava que a Minerva era a sua Lady V, cortejá-la com intenção de juntar o útil ao agradável: ter Minerva e a salvação financeira. Até que com o passar do tempo e o aprofundamento dos sentimentos ele percebe o grande asno que foi e faz com que sua redenção seja admirável.
O Ashe peca por omissão? Sim. Mas há algum motivo por trás disso? Com certeza. O que o leva a quase falência e o faz buscar a saída mais fácil, querer casar-se pelo dote, é um motivo bem interessante, e de certa forma surpreendente. Adoro isso na Lorraine o quanto ela é imprevisível quando achamos que estamos diante de algo que acreditamos saber os comos e porquês, e a forma como o Ashe reverteu toda essa situação... quando ele finalmente deixou o orgulho de lado e pretendeu criar junto com a Minerva soluções... a forma como ele fez a Minerva enxergar que ela não era apenas um dote para ele... me deixou com um sorrisinho bobo no rosto. Ah como amei esse livro.
Se indico? Com toda certeza, SIM!

PS: O próximo livro será sobre o Edward e a Julia. Sim é isso mesmo, o Edward e a Julia. Prepararei desde já meu coração para a chegada desse livro polêmico. Porque de uma coisa eu tenho certeza, a Lorraine é mestre em criar tramas polêmicas (já diria Waking up with the Duke) e fazer você comprar a ideia dela, acreditar na verdade que ela coloca nos livros, nos sentimentos e motivos dos personagens. Prevejo um grande livro pela frente.

PS¹: E adorei saber que o clube Nightingale foi baseado em um clube que realmente existiu naquela época e com a mesma finalidade. Outra coisa que adoro nos livros da Lorraine, esse toque de realismo.
2 pessoas acharam isso útil
0Comentar Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

4,5 de 5 estrelas
61
R$17,91