amazon-prime-video Baby Beauty Books Novo Kindle eBooks Kindle Cloud Drive Photos Electronics fashion Fire TV Stick home_clean home_improvement home_kitchen Office Computers sports VideoGames wireless

Avaliações dos clientes

28 de abril de 2019
Surpreendente!!!!

Havia comprado esse livro aproveitando uma promoção na Amazon, e após ler as recomendações excelentes. Não tinha nenhuma pretensão que não fosse passar o tempo. Ledo engano!

Desde o início, de forma surpreendente, me prendi por completo ao livro e não consegui parar até finaliza-lo em pouco mais de 24 horas, quase que em uma leitura ininterrupta .

Inicialmente, foi publicado em 1959 na forma de um conto e em 1966 tornou-se o presente livro de quase 300 páginas, como um romance epistolar. Ganhou dois prêmios na ocasião, Hugo e Nebula. Já foi adotado como leitura obrigatória em diversas escolas nos Estados Unidos e adaptado para uma peça musical da Broadway (Charlie and Algernon, 1978) e para o filme Charly, de 1968, que rendeu a Cliff Robertson o Oscar de Melhor Ator. No ano de 2000, uma nova adaptação para um novo filme, com o mesmo nome do livro “Flowers for Algernon”. Seguramente também irei ver o filme, se alguém souber onde encontra-lo, agradeço. Rs. Rs.

O romance nos narra a vida de um retardado mental, classificação dada pelo próprio autor, que almeja ser inteligente a qualquer custo.

Após o sucesso dos experimentos realizados em um rato chamado Algernon, que se tornou extremamente inteligente, os cientistas escolhem um humano, Charlie Gordon, para passar por essa mesma cirurgia revolucionária que promete aumentar o seu QI.

Após a cirurgia Charlie tornar-se um gênio, até mais inteligente que os próprios cientistas, e passa não somente a questionar os métodos como também ajudar no seu próprio experimento.

Uma amalgamado de drama com ficção , o livro me fez rir; sofrer com o protagonista; ter raiva das pessoas que o destratavam; torcer pelo seu sucesso; o achar soberbo quando começou sentir-se superior e sobretudo, refletir sobre o fato de como possuir conhecimento excessivo pode ser ruim exatamente na mesma proporção que ter pouco ou nenhum.

O livro é escrito através de relatos do próprio Charlie, seus avanços intelectuais e emocionais são visíveis até na forma como ele escreve os relatórios de progresso, a princípio repletos de erros de grafia (que me inquietava) , até o momento em que seus textos vão progressivamente ganhando uma escrita mais normativa. Não apenas o aspecto formal, mas também os pensamentos e a maneira de se expressar do personagem vão mostrando as mudanças em sua sorte e em seu destino, em uma história que nos envolve em uma série de reflexões existenciais e sociais.
Recomendo muito!
0Comentar Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

4,8 de 5 estrelas
111
R$28,76+ Frete GRÁTIS em pedidos enviados pela Amazon acima de R$ 99 em livros e games ou de R$ 149 em outros produtos.