Avaliações dos clientes

50 PRINCIPAIS AVALIADORES
24 de janeiro de 2018
Não sei a razão, mas defino a escrita da autora como "confortável". Deve ser porque tem um estilo encantador que combina com sofá, meias, perfume natural de flores e uma caneca de café pintada à mão. Eu a conheci somente no final de 2017 e foi por meio desse livro aí -- que apareceu por acaso em capas da Companhia das Letras que eu olhava aleatoriamente na Amazon. As crônicas são, geralmente, ótimas. Algumas são bobas, mas mesmo essas valem por trechos geniais e bonitos que podem ser pinçados. A perspicácia de ver coisas engraçadas e interessantes em situações cotidianas onde medíocres não veriam nada (ou veriam do jeito errado) é a grande qualidade de muitos dos textos aqui compilados. Vanessa, que é infelizmente subestimada, anda flertando com o feminismo da terceira onda que é rançoso, vaidoso e até fútil: parece culpar o machismo por não ter alcançado a aclamação que esperava. É uma pena, e é uma pena maior ainda que isso já tenha reflexos na sua escrita. Será, se continuar assim, como o Gregório Duvivier: falando umas senhoras de umas abobrinhas, mas de um jeito agradável que fideliza mesmo o leitor que discorda.
3 pessoas acharam isso útil
0Comentar Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

5,0 de 5 estrelas
5 classificações de cliente
5 estrelas
100%
4 estrelas 0% (0%) 0%
3 estrelas 0% (0%) 0%
2 estrelas 0% (0%) 0%
1 estrela 0% (0%) 0%
R$25,74