Avaliações dos clientes

500 PRINCIPAIS AVALIADORES
11 de julho de 2018
Esse livro foi escrito para fazer uma crítica à URSS de Stálin, foi uma incrível analogia àquele país. Apesar disso tudo, é impossível não vermos a semelhança com o que acontece ainda hoje, no nosso próprio país. Se tirarmos do contexto em que foi escrito e colocarmos no contexto em que vivemos, é impressionante como nada mudou.
A Revolução dos Bichos narra a história de alguns animais que moram em uma fazenda, fazenda Granja do Solar, e estão cansados de serem explorados pelos humanos. Após um porco (eles eram os animais mais inteligentes da fazenda) fazer um discurso a todos os bichos, mostrando que eles devem ser iguais, e que ninguém, nem mesmo outro animal, pode deter o poder de dominação, abre suas mentes para alcançarem isso. Foi assim que em uma primeira oportunidade a Revolução foi feita naquela fazenda.
Conseguimos distinguir os discursos falaciosos de alguns animais e que hoje são usados por políticos, promessas sem fundamentos, desejos de poder. No decorrer da narrativa vamos enxergando as coisas que acontecem e que já aconteceram no nosso país, como as manipulações na nossa história, impostos cada vez mais elevados, políticos cada vez com mais mordomias e regalias, civismo e patriotismo retirado do nosso cotidiano (isso nos é passado como algo frívolo, ou mesmo nem se fala nisso), e muitas outras semelhanças que com a leitura do livro é impossível não se ver dentro daquilo que é contado. E ainda chegamos a uma conclusão inegável, o socialismo é utópico, pois o homem é ruim, ele pode ter saído das camadas populares, saber as dificuldades dos pobres, mas isso não vai mudar o fato de que ele vai querer o poder e a submissão do povo.
Esse livro deve ser lido por todos, deveria ser estudado nas escolas. Apesar de ser fácil e rápido de ler, tem um conteúdo imenso.
55 pessoas acharam isso útil
0Comentar Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

4,8 de 5 estrelas
723 classificações de cliente
R$23,66