Avaliações dos clientes

Avaliado no Brasil em 18 de março de 2015
A última vez que me fiz essa mesma pergunta foi quando li "Dom Quixote". Agora, recomendo para quem vai se aventurar a ler três coisas: 1) procure pela internet os inúmeros quadros e gravuras dedicadas à ela (Gustave Doré, Willian Blake e Salvador Dali dentre eles) para realmente entrar no clima; 2) a menos que você seja versado em teologia católica, mitologia greco-romana, história de Roma, história da Europa medieval, filosofia clássica, filosofia medieval, etc., consulte sempre a internet quando se deparar com uma personagem ou linha de raciocínio que você não conhece; 3) se puder, compre também uma versão em prosa para servir de apoio à compreensão. A tradução de José Pedro Xavier Pinheiro é primorosa, mas há muitos momentos em que é fácil se perder no que Dante quis dizer e até mesmo quem é que está falando.
PS: recomendo antes a leitura de "Paraíso Perdido". Caso contrário, você vai ficar tão impressionado com a Divina Comédia que achará o épico de Milton fraco, o que não é verdade.
87 pessoas acharam isso útil
0Comentar Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

4,3 de 5 estrelas
4,3 de 5
93 classificações de cliente