Books eBooks Kindle eBooks Kindle Kindle Paperwhite Cloud Drive Photos Electronics Fire TV Stick home_improvement HI Office PC videogames wireless



em 3 de novembro de 2017
Maravilhoso!!! Uma obra em que se pode entender a sociedade atual, analisando os varios e importantes conhecimentos literários de Homero.
2 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 3 de junho de 2018
Para compreender bem é necessário um livro da Ilíada em prosa. Eu usei The Wrath of Achilles e foi o que me ajudou. Do contrário, eu não entenderia nada.
|0Comentar|Informar abuso
em 1 de abril de 2018
Embora a estória seja interessantíssima (tive de ler em inglês), essa edição é terrível com essa tradução antiquíssima. Não entendi simplesmente nada, esse português é outro idioma. Foi infinitamente mais fácil entender pela versão de tradução para o inglês mais atual. Sugiro que a editora traduza para o português do século XXI...
2 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
10 PRINCIPAIS AVALIADORESem 13 de março de 2015
Os que nunca a leram supõem erroneamente que é a história da Guerra de Tróia. Não é. É a historia de uma única, embora longa, ação: a ira de Aquiles, que se enfurece contra seu líder, Agamemnon, que se apossou de Briseida, amante de Aquiles; que retira o apoio aos gregos e só se reúne à batalha quando as consequências de sua ação destroem seu melhor amigo, Pátroclo. Nesse ponto, volta sua ira contra os troianos e especificamente contra seu maior herói, Heitor, que enfim acaba matando. A razão para tamanha fúria? Agamemnon tomou Briseida. Trivial? Fica pior. O despojo é uma mulher. Em seu núcleo, é a história de um homem que se entrega a um frenesi de fúria porque confiscaram a noiva que ele roubou na guerra, encenada num contexto de carnificina generalizada, e tudo isso tem lugar porque outro homem, Menelau (irmão de Agamemnon , teve a sua mulher roubada por Páris, meio-irmão de Heitor). Essa história dominada por raptores de duas mulheres veio sintetizar ideais de heroísmo e lealdade, sacrifício e perdas. Não surpreende que muitos escritores modernos muitas vezes tenham se baseado em Homero e o imitado.
22 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 21 de janeiro de 2017
A tradução não é muito boa para leitura, portando, me fez desgostar... Quem gosta desse tradutor, boa sorte na empreitada.
9 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 11 de fevereiro de 2014
Esta edição foi uma decepção. A Penguin poderia ter publicado uma versão com tradução mais atual. Esta é do século XIX e é de leitura bastante difícil. Uma pena. Mesmo pelo preço acessível por ser domínio público, não vale a pena. Vale se certificar melhor antes de adquirir livros similares.
28 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso


Precisa do serviços de atendimento ao cliente? Clique aqui