Books eBooks Kindle eBooks Kindle Novo Kindle Oasis Cloud Drive Photos Electronics Fire TV Stick home_improvement HI Office PC videogames wireless



em 17 de novembro de 2015
Livro que merece ser lido. Seu detetive Padre Brown é impagável e nos surpreende com seus métodos bastante excêntricos que utiliza para desvendar os crimes
Como ressalta texto da Wikipedia, Jorge Luis Borges afirmava: "Toda a boa literatura é uma forma de alegria, e nenhum autor me deu tantas alegrias quanto Chesterton".
4 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
100 PRINCIPAIS AVALIADORESem 28 de abril de 2015
Chesterton é um escritor e ensaísta polêmico. E tem uma veia bem-humorada que transparece nestes contos interessantes e com certo conteúdo politizado. Encontramos nas peripécias e palavras do padre Brown as palavras do próprio Chesterton, como se estivesse aplicando aos interessantes casos de mistério que constrói suas ideias no campo da ética, da moral e da política. Ademais, os contos são originais e cativantes, uma leitura deliciosa que é recomendada.
2 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 26 de janeiro de 2015
Eu recomendo a leitura deste livro A Inocência do Padre Brown, G.K. Chesterton é um ótimo escritor. Gosto de vários de seus livros.
2 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
1000 PRINCIPAIS AVALIADORESem 2 de outubro de 2014
Dos doze contos deste livro, diria que pelo menos nove são muito bons.
Eles são envolventes, inteligentes e bem humorados!
1 pessoa achou isso útil
|0Comentar|Informar abuso
500 PRINCIPAIS AVALIADORESem 10 de fevereiro de 2018
Este é um livro com algumas histórias do Padre Brown, talvez o alterego de Chesterton, dada a baixa estatura e a rotundidade, que o tornam em uma figura comum e sem atrativos ou destaque, significando, até mesmo, a falta de personalidade própria; mas a despeito da sua insignificância física, ele se sobressaía por seu intelecto e a capacidade de desvendar os crimes mais intricados e que muitas vezes fez o o seu amigo e detetive Flambeau, alto e de boa aparência, parecer um idiota.

O livro tem as sutilezas estilisticas de Chesterton, uma narrativa bem costurada [necessária em livros do gênero] mas alguns componentes que o tornam diferente: Padre Brown não procurava apenas desvendar mais um crime, como um desafio à sua inteligência e argúcia, a capacidade de ver os detalhes mais desprezíveis e que nenhum outro via, ou o raciocínio capaz de ligar fatos aparentemente dissociados que, contudo, faziam parte da "teia" tecida pelo criminoso. Mais do que um desafio mental, o calmo e tranquilo religioso buscava a redenção do criminoso [em outras palavras, realizar o seu ministério sacerdotal, sua missão primeira], que poderia alcançá-la a partir da confissão do crime pelo criminoso. E isso, se não se desse pelos meios judiciosos, que o levassem à condenação, bastava-lhe, como sacerdote [e como tal ele estava impossibilitado de acusar o réu confesso por direito inalienável de sacerdócio] ouvir a confissão, o arrependimento do criminoso, e ter concluída mais uma etapa da sua missão.

Mais do que preocupado com as questões policiais, elas o levariam ao encontro da alma que necessitada desesperadamente de perdão e atormentada pela culpa [ainda que não soubesse].

Pode parecer incoerente que um sacerdote, para quem a defesa da moral é um caro princípio, despreze-a em algum aspecto no curso da história. Mas o que lhe parece é que, após a confissão, o criminoso, em paz consigo e com Deus, se entregue voluntariamente à justiça, provando assim o seu arrependimento sincero e verdadeiro.

Fato é que ler Chesterton é sempre agradável e instigante. Mesmo em histórias aparentemente banais como as policiais.
|0Comentar|Informar abuso
em 20 de agosto de 2015
Chesterton simplesmente não consegue controlar seu fanatismo religioso: em TODAS as histórias do padre Brown precisa pôr no papel seu profundo desprezo aos não católicos. Seja na descrição dos personagens seja na motivação do crime, sempre arranja um jeito de apresentar o não catolicismo como uma falha de caráter ou motivação para o comportamento antissocial. Simplório e maçante.
2 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso

Os clientes também visualizaram estes itens:

A Esfera e a Cruz
R$9,75
A inocência do Padre Brown
R$25,41

Precisa do serviços de atendimento ao cliente? Clique aqui