amazon-prime-video Books eBooks Kindle eBooks Kindle Prêmio Livro Reportagem Novo Kindle Oasis Cloud Drive Photos electronics Fire TV Stick home_improvement home_kitchen Office Computers VideoGames wireless

Avaliação de clientes

4,4 de 5 estrelas
3

em 27 de maio de 2018
A noção de Bobbio - especialmente em A Era dos Direitos - de que a Declaração Universal dos Direitos do Homem é um consenso realmente universal à humanidade, é contraposta por Boaventura ao fato de que essa declaração, em especial, não pode ser válida a toda humanidade. Cada cultura tem direitos e deveres contingenciais, e nem todas as reivindicações de direitos fundamentais têm como fundamento os direitos humanos. O livro é recomendado para aquele que, além da filosofia e do direito, pensam nos direitos humanos não universalmente, mas sim contingenciais e de maneira a reconhecer no outro, acima de tudo, um semelhante.
|0Comentar|Informar abuso
em 12 de novembro de 2017
Discutir os direitos humanos hoje se faz cada vez mais necessário, ainda mais quando temos um deturpação por parte da sociedade que acredita que ele é parcial e que, portanto, não precisaria existir.
Ler uma abordagem sob a perspectiva de uma renomada filósofa brasileira e por um excelente economista português -
que conhece bem o nosso país - acrescenta elementos para que vejamos cada vez mais na luta pela preservação dos direitos humanos um elemento essencial para a democracia.
1 pessoa achou isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 6 de fevereiro de 2017
Livro bom, leitura simples.
Com várias temáticas sobre direitos humanos e suas principais tensões.
Boa reflexão sobre esse tema complexo.
1 pessoa achou isso útil
|0Comentar|Informar abuso



Precisa do serviços de atendimento ao cliente? Clique aqui