eBooks Kindle eBooks Kindle Kindle Cloud Drive Photos Books Electronics Fire TV Stick HI home_kitchen Computers VideoGames Wireless

Avaliação de clientes

4,5 de 5 estrelas
12


em 4 de julho de 2015
O conto navega com graça entre um registro fantástico e outro prosaico, entre um tempo "velho" e o tempo presente, mantendo a tensão entre um e outro. Despretensiosamente, abre uma fresta para o mundo de Pessoa e seus heterônimos (reais ou imaginários?) e da Lisboa dos deliciosos pastéis de nata.
1 pessoa achou isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 27 de julho de 2015
Historieta gostosa como um pastel de nata. Um reencontro com o passado no atemporal Café Martinho da Arcada. Quem ainda não esteve lá, aproveite enquanto é tempo!
1 pessoa achou isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 12 de julho de 2015
Muito bem escrito , como os demais da autora. Descrições vívidas, objetivas, com arremate intrigante . Fica a vontade que o encontro continuasse, com seus mistérios.
1 pessoa achou isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 11 de julho de 2015
Um texto muito original, com uma dinâmica diferente, criando uma atmosfera saborosa entre Fernando Pessoa, os pastéis, os personagens e um leve senso de bom humor.
1 pessoa achou isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 30 de julho de 2015
A temática é inusitada, com ambientação e escrita envolventes. Recomendo a leitores interessados em transitar pela Lisboa de ontem e de hoje.
1 pessoa achou isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 5 de março de 2016
Infelizmente, tornou-se uma anedota um pouco sem graça: uma conversa de bar entre duas pessoas. A autora colocou até um escritor português de renome e brinca com os seus heterônimos, porém nem com isso pôde salvar essa história. E o pior: não há nenhuma surpresa no final, o que decepciona ainda mais.
|0Comentar|Informar abuso
em 9 de julho de 2015
Incrível a ambientação . Me senti tomando um café e comendo travesseiros, sentado numa das mesas e observando. Além disso, leve e gostoso.
1 pessoa achou isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 11 de julho de 2015
Um texto rápido, curto e suficiente para criar o clima surreal do encontro. muito bom.
adorei, achei bem legal. bj
1 pessoa achou isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 22 de agosto de 2015
Um pouco erudito demais em sua forma. Me incomodou. Ainda que seja coerente com a citação aos Fernandos Pessoa. Acho que o ritmo quebrado prejudica o ritmo da leitura.

A história no entanto é divertida, os personagens e o ritmo muito bem montados para o espaço apertado que o Brasil em Prosa impôs.

Leitura boa para exercitar a mente literária.
1 pessoa achou isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 25 de agosto de 2015
A construção da ambientação é muito boa, inclusive a respeito de Fernando Pessoa e seus heterônimos. Flerta com o fantástico, mas, no fim, acaba parecendo apenas uma anedota de viagem.
1 pessoa achou isso útil
|0Comentar|Informar abuso

Precisa do serviços de atendimento ao cliente? Clique aqui