Amazon Prime Video Books eBooks eBooks Kindle Kindle Direct Publishing Kindle Paperwhite Cloud Drive Photos Eletronicos Fire TV Stick Kitchen Informática Videogame Celular



50 PRINCIPAIS AVALIADORESem 30 de outubro de 2017
De enorme influência na cultura, "O estranho caso de Dr. Jekyll e Mr. Hyde" se prova uma das mais excelentes obras da literatura vitoriana. Com uma premissa básica que seria repetida inúmeras vezes - a de que uma pessoa respeitável e um monstro dividirem o mesmo corpo - o livro em si acaba sendo esquecido, mesmo que contenha muitas outras qualidades além de sua criativa premissa. Situando-se dentro da tradição de horror vitoriano, mas expandindo-a, Robert Louis Stevenson pela primeira vez situa o horror não num passado, em terras longínquas e em fatores externos, mas trás para o seio do local de publicação (Londres), num período contemporâneo e apresenta o terror contido dentro do próprio humano, retornando o tema do conflito interno entre o Bem e o Mal que existe dentro de cada pessoa, mas corporificando este mal na forma de Mr. Hyde, que exibe facetas físicas de sua degradação moral enquanto divide o mesmo corpo do respeitável médico Dr. Jekyll. Mas não é preto ou branco, como a narrativa prova: as qualidades morais de Dr. Jekyll / Mr. Hyde, a prova de que o indivíduo não é uno mas ao menos um duplo, acabam se tornando mais ambíguas do que inicialmente se poderia imaginar.

Além disso, este romance curto tem diversas outras engenhosidades: a sugestão sutil de um relacionamento homossexual entre Dr. Jekyll e Mr. Hyde, retratando o escândalo que essa forma de relacionamento gerava na época; a utilização da geografia num tom realista e verossímil ao mesmo tempo que utiliza uma representação fantástica para demonstrar a situação psicológica dos personagens; a adaptação de conceitos darwinianos na sociedade e nos indivíduos e o entendimento da época das teorias darwinianas; as questões postas sobre moral, opinião pública e a divisão entre a imagem exterior e o âmbito interior das pessoas, entre outras muitas questões postas magistralmente em um texto curto.

Esta edição da Penguin Companhia se sobressai das outras por conter uma excelente introdução de Robert Mighall, que apresenta a tradição que Stevenson adentra e inova, além de discutir vários dos temas do livro, de forma que não se pode encará-lo de forma simplista ou rasa.
0Comentar|Esta avaliação foi útil para você?SimNãoInformar abuso
em 29 de outubro de 2017
Mais um clássico vitoriano espantoso e merecedor de estar na estante de quem gosta e aprecia perolas, formidável conto boa aquisição nesse 2017. recomendo pra todos...
0Comentar|Esta avaliação foi útil para você?SimNãoInformar abuso
em 2 de maio de 2017
Nos faz pensar nosso nossa natureza humana e a tentativa fracassada de tentarmos ser bons o tempo todo. Todos nós temos nossa mazelas e limitações... repressão nem sempre é a melhor opção.
0Comentar|Esta avaliação foi útil para você?SimNãoInformar abuso
em 15 de setembro de 2017
Estória muito Boa, um misto de sentimentos, pensamos e sensações, pois você mergulha nas questões que permeiam a nossa Vida, o Bem, o mal. Um livro que foi muito importante pra minha formação como leitora e fiquei mega feliz de adquirir nessa edição linda!
0Comentar|Esta avaliação foi útil para você?SimNãoInformar abuso
em 26 de março de 2017
Curiosamente não é o livro que esperava. A história é curta! Os filmes que dele vieram acrescentaram várias coisas. Vale a leitura como referência e pelo autor.
0Comentar|Esta avaliação foi útil para você?SimNãoInformar abuso
em 11 de novembro de 2017
O livro te prende desde o início. A sucessão de fatos estranhos causa um suspense que se desenrola rapidamente e leva ao final a uma reflexão sobre nosso próprio caráter.
0Comentar|Esta avaliação foi útil para você?SimNãoInformar abuso
em 29 de outubro de 2017
É um clássico da literatura estrangeira com muito drama e conflitos psicológicos entre os personagens. Comprei pra minha filha fazer trabalho escolar.
0Comentar|Esta avaliação foi útil para você?SimNãoInformar abuso
em 28 de abril de 2017
Livro fictício que mais demonstra a realidade que existe dentro de nós, não é por simples consideração que essa história se tornou um clássico.
0Comentar|Esta avaliação foi útil para você?SimNãoInformar abuso
em 5 de abril de 2017
É interessante perceber, dentro da complexidade humana, como é tênue a linha entre o homem e o monstro que existe em cada um de nós.
0Comentar|Esta avaliação foi útil para você?SimNãoInformar abuso
500 PRINCIPAIS AVALIADORESem 30 de outubro de 2017
Sinceramente as minhas 3 estrelas foram mais pra escrita, achei o livro muito bem escrito e a ideia da história muito bem construída... mas sinceramente eu achei mto cansativo, fiquei um mês pra conseguir ler esse livro de cento e poucas páginas... recomendo por ser um clássico e por ser mto bem escrito... a premissa também é boa, mas sinceramente, não me recordo nem do final, é bem confuso e não é um livro marcante... mas enfim, leiam pra saber se a impressão de vocês, serão as mesmas que a minha. :)
0Comentar|Esta avaliação foi útil para você?SimNãoInformar abuso


Precisa do serviços de atendimento ao cliente? Clique aqui