Amazon Prime Video Books eBooks eBooks Kindle Kindle Direct Publishing Kindle Paperwhite Cloud Drive Photos Câmeras Fire TV Stick Kitchen Informática Videogame Celular

Avaliação de clientes

5,0 de 5 estrelas
3
A sutil arte de ligar o f*da-se
Formato: eBook Kindle|Alterar
Preço:R$14,93

em 8 de novembro de 2017
Não é a toa que este livro é best seller em quase todos os estados americanos! Faz cair fichas exponencialmente!
0Comentar| 5 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você?SimNãoInformar abuso
500 PRINCIPAIS AVALIADORESem 19 de novembro de 2017
Mark Manson é destaque nos EUA perdurando várias semanas como best seller do The New York Times com esse título.

A questão do livro é que ele segue uma linha um pouco contrária do que a maioria dos livros de auto-ajuda prega: Ninguém precisa ser o tipo exatamente de sucesso e perfeito para ser feliz.

A vida no geral é repleta de muita dor, e por mais que as circunstâncias pareçam favorável, a dor é sempre inevitável. Assim, é preferível aprender a conviver com elas do que levar uma vida tentando fugir a qualquer custo delas.

No livro Mark Manson fornece valores que podem ser realmente úteis para todos que queiram ter uma vida com mais propósito.
0Comentar| 1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você?SimNãoInformar abuso
500 PRINCIPAIS AVALIADORESem 8 de novembro de 2017
O autor não é dos caras mais eruditos e não é de fato um expert técnico nos assuntos sobre os quais ele escreve. Ainda assim, a escrita é fluida, e é uma boa e agradável leitura, capaz de gerar reflexões interessantes sobre a vida, propósito e felicidade.

Em resumo o tema principal do livro é que uma vida boa é uma vida com propósito, ainda que isso seja completamente desconfortável. Conforto e facilidade não trazem felicidade, o que parece ser algo bem diferente do que a maioria das pessoas vive e busca na vida.

Um dos pontos altos do livro é o fato do autor ter uma experiência de vida parecida com a minha pois vivemos momentos culturais muito parecidos pois temos idade similar (ele é de 1984) e condições socioeconômicas parecidas, o que me faz me identificar bastante com os relatos e pensamentos dele.
0Comentar| 6 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você?SimNãoInformar abuso