amazon-prime-video Books eBooks Kindle eBooks Kindle Prêmio Livro Reportagem br-kindle Cloud Drive Photos Electronics Fire TV Stick home_improvement home_kitchen Office PC VideoGames wireless

Avaliação de clientes

4,8 de 5 estrelas
10
Outsider
Formato: Capa comum|Alterar
Preço:R$39,20+ Frete GRÁTIS em pedidos a partir de R$ 99 enviados pela Amazon

em 5 de julho de 2018
Obrigado Amazon, já tenho nas minhas mãos o ultimo livro de este gênio da literatura.
Não me canso de recomendar Stephen King, pôde comprar qualquer livro dele com os olhos fechados não se vai decepcionar.
4 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 9 de julho de 2018
Amo SK, tenho uns 30 livros dele (pelo menos) e é difícil eu não gostar de algum. Achei a história espetacular mas o desfecho me lembrou muito o de um outro livro dele que li a pouco tempo... Mesmo assim, li o livro em menos de 2 dias. Não preciso dizer mais nada, comprem!!!,
1 pessoa achou isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 21 de julho de 2018
Um dos melhores livros do autor...sem muita enrolação, direto ao ponto, esse até assusta em alguns momentos, história bem amarrada e quase sem furos...leitura rápida, apesar do número de páginas....
|0Comentar|Informar abuso
em 1 de julho de 2018
Stephen King é mestre no que faz, tanto por isso muitos se referem a ele como Mestre, mas se você nunca leu ou não é tão fã, provavelmente se pergunta o porque de tanto amor a escrita desse senhor.

SK tem a habilidade de criar personagens tão assustadoramente interessantes e bem desenvolvidos que o leitor se sente parte daquela história e daquela jornada. Logo um apego é criado mesmo com os personagens mais triviais da história. É nesse ponto que o velho King te ganha. Você se sente tão apegado que mesmo uma sombra atrás da cortina já te deixa apreensivo.

Sem contar também o fato dos personagens serem tão bem feitos que é normal um tempo depois de ler suas histórias, você não pense nelas como algo que alguém te contou. Os personagens facilmente se tornam velhos amigos nas suas lembranças e você acaba até contando para alguém que algo aconteceu com um amigo seu, sendo que esse amigo saiu da cabeça do velho King.

É fato também de que SK abandonou (ou diminuiu bem) em seus trabalhos mais recentes aquela mão forte que ele tinha para o horror, mas o terror que sentimos a cada ameaça a vida ou sanidade aos personagens que tanto aprendemos a amar ainda está lá. Mérito todo ao mestre, que ele merece como sempre.

Outsider parece estar revelando um novo King, com habilidade de contar histórias melhores com menos palavras.

O livro também consegue trazer algo inusitado, são vários estilos em um mesmo romance. O começo é bem uma trama policial, mas já te agarra pela curiosidade e pelas reviravoltas, o meio nos apresenta um sobrenatural que vai crescendo e engolindo os personagens (e o leitor) até que se encaminha pro fim com uma dose razoável de ações e conflitos.

Com a dose certa e bizarrices e um sobrenatural que se mantém enigmático e perigoso (pelo menos até o final), o velho senhor Estevão faz mais um belo trabalho.

King aproveitou também para homenagear alguns gênios da literatura como o Sr. Edgar Allan Poe e a Sra. Agatha Christie, entre outros. Sendo justo, referencias não faltam nesse livro.

Como pontos negativos eu deixo dois:
Achei o final sem emoção. SK tem sérios problemas com finais, o daqui não é ruim, só é simples demais. Acho que faltou ousadia.
Achei Holly muito Deus Ex Machina também. Ela resolve tudo muito rápido, pensa sempre nas coisas certas. Como não li a trilogia do Bill Hodges, pode ser que eu não tenha desenvolvido todo o carinho, que todo mundo que leu, tem por ela.

Somando tudo eu acho que esse livro é uma boa mistura das antigas histórias do SK, misturando aquela agonia junto aos seus livros mais modernos e com uma pegada mais policial.

Que sou fã do cara acho que não é segredo, mas sendo fã ou não sei que nem todo trabalho dele é bom, mas esse é. Gostei bastante mesmo, me peguei arrumando brechas durante o dia para ler algumas páginas. Fazia tempo que não tinha um ‘page-turner’ nas mãos. Grata surpresa e principalmente:
Vida longa ao Mestre.

Outsider - Stephen King
Nota: 9,5/10
3 pessoas acharam isso útil
|22 comentários|Informar abuso
em 9 de julho de 2018
Stephen King volta com uma trama que te prende desde a primeira página.
Diferente de alguns livros que começa de vagar introduzindo personagens e suas histórias, nesse, logo de cara ele te joga no meio de um assassinato BRUTAL, uma prisão duvidosa e claro, com indícios sobrenaturais.
Aqui temos a volta da Holly e do escritório de investigações Achados e Perdidos, por isso é extremamente importante que você já tenha lido a trilogia Bill Hodges antes de encarar Outsider. Primeiro porque existem muitos spoilers a respeito da trilogia e segundo porque existem referências aqui que pode te deixar perdido.
O único ponto negativo que achei aqui, é que o Stephen King mais uma vez usa de "metodos" que você já viu em outros livros. Aquele velho truque onde o "mal" influencia pessoas fracas pra fazer o seu serviço sujo. Quem leu It - A Coisa, por exemplo, vai ver isso. De resto, foi uma ótima leitura que quase me fez dar 5 estrelas
2 pessoas acharam isso útil
|11 comentário|Informar abuso
em 20 de junho de 2018
Edição primorosa, só faltou ser capa dura para ser ainda mais linda.

O livro nos conta a história de um brutal assassinato que ocorreu na cidade de Flint City onde o principal suspeito é o Treinador do time infantil se beisebol, a policia o prende, mas logo descobre que o Treinador esteve em outro local no mesmo dia que ocorreu o assassinato, imagens de segurança comprovam isso.
Como o Treinador poderia estar em dois lugares?? É o que a gente vai descobrir nesta nova e impactante história do mestre King.
review image
12 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 19 de julho de 2018
Como toda obra de Stephen King, 'The Outsider' proporciona ao leitor o contato com personagens extremamente humanos (o que é irônico, dada a brutalidade do crime investigado) e cujos defeitos, amplamente enaltecidos ao longo do livro, contribuem com a construção de relações interpessoais tempestuadas pela violência e pelo medo.

O começo é, sem dúvida, brilhante: as provas contra o único suspeito são irrefutáveis, ao mesmo tempo que o álibi é mais que suficiente para inocentá-lo. Essa aparente contradição certamente deixará o leitor imerso na tentativa de solucionar, ele mesmo, o crime. Mas, como o mistério é, aos olhos dos leitores, insolúvel, estes ansiarão por descobrir como Stephen King o resolverá.

Tudo isso cria uma enorme expectativa, que é, entretanto, abalada pela introdução do supernatural, tão familiar ao autor. Não é o elemento supernatural em si que desaponta, e sim o que ele representa dentro da trama. Isto é, que uma solução brilhante para o 'mistério insolúvel' seja substituída por pura fantasia.

Apesar de suas falhas, este livro mostra que Stephen King ainda pode escrever um bom romance, mesmo em 2018.
|0Comentar|Informar abuso
50 PRINCIPAIS AVALIADORESem 27 de junho de 2018
O corpo de um menino de 11 anos é encontrado num parque da pequena Flint City. Todas as provas apontam para um único suspeito: Terry Maitland, o técnico de beisebol juvenil da cidade. E ele é preso durante um jogo decisivo, diante de milhares de pessoas que se encontravam no estádio, inclusive sua mulher e as duas filhas. Foi uma cena impressionante.
Terry Maitland jura inocência, mas as provas são irrefutáveis: testemunhas que o viram com a criança, impressões digitais e até o DNA.
A situação começa a ficar complicada porque o técnico declara que, no momento do crime, ele estava em outra cidade participando de uma palestra com o autor best-seller Harlan Coben. Oito pessoas, seus colegas professores, confirmaram que estavam com ele e imagens do encontro mostram Terry na plateia e até mesmo o momento em que ele se levanta e faz uma pergunta.
Tudo muito complicado.
O detetive Ralph Anderson, por mais que tente se convencer de que fez o que era certo ao prender Terry, ainda assim não consegue entender como poderia uma pessoa estar em dois lugares ao mesmo tempo.
“Havia um fato sólido, tão inalterável quanto a gravidade: um homem não podia estar em dois lugares ao mesmo tempo”.
A trama é ótima e a narrativa é contagiante, a gente não quer parar de ler. A certa altura, o autor faz o cruzamento com personagens de outra história: a trilogia Bill Hodges, de Mr. Mercedes e sua auxiliar Holly, da agência Achados e Perdidos. Achei isso muito bom. Holly faz toda a diferença.
Além disso, há também várias citações de escritores clássicos de horror e suspense policial como Harlan Coben, Edgar Allan Poe e Arthur Conan Doyle.
Algumas passagens que achei marcantes foram o tumulto em frente ao fórum, quando Terry é levado para depor; a cena em que as filhas de Terry colocam os discos dos Beatles para ouvir e Marcy vai se lembrando de várias ocasiões vividas com o marido.
Nesse livro, há uma boa história de investigação de um crime brutal em que a vítima é uma criança, o acusado é um professor que treinou a maioria dos filhos dos habitantes da cidade e as provas não deixam dúvidas sobre a autoria do crime. Mas, sendo o autor o nosso Stephen King, sempre há espaço para situações inexplicáveis ou, quem sabe, que nós não conseguimos explicar.
“As pessoas são cegas para explicações que fogem à percepção que têm da realidade” .
Recomendado!
7 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 20 de julho de 2018
Um livro a altura do mestre. Um enredo de prender o fôlego! Sem falar da volta de um personagem marcante de outro livro do autor, dando um clima saudosista à trama. Recomendo.
|0Comentar|Informar abuso
em 19 de julho de 2018
como sempre King nunca decepciona. Uma história envolvente até a última letra , cheia de suspense, sobrenatural. Um thriller fodástico
|0Comentar|Informar abuso


Os clientes também visualizaram estes itens:

Elevation
R$76,44

Precisa do serviços de atendimento ao cliente? Clique aqui