amazon-prime-video Books eBooks Kindle eBooks Kindle Prêmio Kindle de Literatura Novo Kindle Oasis Cloud Drive Photos electronics Fire TV Stick home_improvement home_kitchen Office PC VideoGames wireless



em 28 de outubro de 2015
Comparando com o Paperwhite a tela tem uma resolução inferior, mas mesmo assim o texto ainda é muito nítido, comparável com impressão em papel.
Este modelo mais simples não vem com iluminação, porém não faz falta se você tem um abajur ou luz de leitura. Se a iluminação que você tem é suficiente para ler livros em papel, não vai ser problema ler neste aparelho. A tela é fosca, evitando reflexos do sol ou de lâmpadas, o que é ótimo.
Também é possível ler em qualquer ângulo.

O aparelho é feito em plástico de excelente qualidade. Bem sólido. Recomendo uma capa apenas para proteger a tela enquanto o carrega numa mochila ou bolsa.

O único botão funciona como liga e desliga, porém um sensor magnético faz essa função caso use uma capa com esse recurso. A porta micro USB funciona para carregar a bateria (que comigo dura de 3 a 4 semanas). Dá para carregar em qualquer computador ou usando carregadores USB.

O sistema operacional do Kindle é muito prático e rápido. É possível realçar texto, imitando a função de canetas fosforescentes, e também adicionar anotações e compartilhar passagens dos livros direto no Twitter e Facebook. Também com um toque é possível pesquisar uma palavra em dicionários, inclusive traduções. Se estiver conectado num WiFi, é possível procurar na Wikipedia também. Excelente para quem gosta de ler em outro idioma e quer aprimorar o vocabulário. Uma outra função interessante é que caso tenha o aplicativo do Kindle em seu telefone ou tablet (Tem pro Android, iOS e Windows) ele sincroniza sozinho onde você parou de ler em cada um dos aparelhos, para continuar de onde parou.

O controle pelo toque é muito simples. Um toque no lado direito avança a página, no lado esquerdo volta, em cima mostra os menus, e segurando sobre uma palavra abre o dicionário. Se segurar e arrastar seleciona um trecho e pode realçá-lo ou ter outras opções.

Recomendo o Kindle para quem gosta de ler e não se importa com o "cheirinho do papel". Muito mais leve e fácil de carregar, principalmente no caso de obras grandes. Recomendo também para quem está estudando, é muito mais fácil carregar e usar o seu material de apoio nele, lembrando que é compatível com PDF, o material de aulas pode ser enviado para ele.

Agora se você quer ou precisa ler em lugares pouco iluminados (por exemplo, em viagem de carro) recomendo o modelo Paperwhite que é similar a este mas com iluminação e uma tela melhor. Porém se não é o caso na minha opinião vale a pena usar a diferença de preço para comprar mais livros =)
review imagereview image
183 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
500 PRINCIPAIS AVALIADORESem 30 de maio de 2016
Comprei este Kindle como presente para minha esposa, como uma maneira de trazer os ebooks para a vida dela. Dentro do preço de venda, é uma opção que compensa bastante, ainda que estejamos falando do Kindle mais simples possível, sem nenhum dos features dos outros modelos que fazem a diferença para os leitores hardcore (como iluminação, page press, brilho automático, maior resolução, etc.).

[DICA: volta e meia, a Amazon coloca este Kindle a um preço especial - em datas como Black Friday. Se quiser comprar, fique atento à proximidade de datas de grande desconto no comércio, para ver se vale esperar. Comprei este por R$179 no Dia do Orgulho Nerd.]

Ergonomicamente, ele é tão leve quanto os outros modelos (a diferença é irrelevante), e a tela mais recuada no frame evita a mudança acidental de página, algo que é um pouco irritante em outros modelos onde a tela está no mesmo nível do frame. Ele não tem um acabamento tão refinado quanto os outros modelos (o plástico do corpo passa impressão de ser um pouco barato demais), mas é um detalhe que não vai te distrair do uso.

Antes de comprar, certifique-se de que:

1. Você não lê compulsivamente - este modelo deve um pouco em resolução, e a mudança de página é um pouco mais lenta que em outros modelos, tornando a experiência um pouco chata para quem lê muito com rapidez.
2. Você não lê muito em lugares com baixa iluminação ou antes de dormir - ele não tem nenhuma iluminação de tela, então só pode ser usado em lugares iluminados (uma luz fluorescente fraca ou um dia nublado com pouca luz natural ainda garantem uma experiência agradável) ou em conjunto com uma luzinha de led com clip-on para fixar no topo do device (disponível em lojas de bazar)
3. Você não consegue juntar mais 200 reais - salvo você pegar este Kindle em promoção, um Paperwhite custa até menos que 200 reais a mais (no momento custa 189 a mais), e já vem com features muito úteis, como iluminação.

[DICA 2: você pode achar que precisa de uma Capa protetora NuPro para Kindle, cor preta (compatível somente com Kindle com tela sensível ao toque, não é compatível com Kindle Paperwhite), mas recomendo fortemente você economizar os 89 reais e comprar um case ou bag para seu Kindle. Sites como Elo7 e similares possuem ótimas e bonitas opções a menos de 50 reais, que vão proteger seu Kindle na bolsa de maneira mais que satisfatória. A NuPro é feia e não protege muita coisa em caso de queda.

Enfim, para você que quer experimentar ebooks pela primeira vez, ou que é um leitor casual e não quer investir muito na sua leitura, este Kindle é uma excelente entrada. Porém, se você deseja mais da sua experiência de leitura, poupe um pouco mais e invista do Paperwhite para cima.
10 pessoas acharam isso útil
|22 comentários|Informar abuso
em 19 de janeiro de 2016
Quando comprei fiquei em dúvida se realmente era bom, afinal, eu pensava assim: "Porque comprar um dispositivo para leitura se posso usar o smartphone?". Realmente compensa! A bateria dura muito e a sensação é de estar lendo no papel. Ficaria melhor se fosse colorido.
A versão mais básica não vem com iluminação e quando adquiri, pensei que ia ser um problema, mas não é. Está certo que se tivesse, para ambientes escuros seria muito bom! Infelizmente no Brasil as outras versões do Kindle são muito caras.
8 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
AVALIADOR Nº 1em 14 de novembro de 2014
Em novembro de 2014, pouco mais de um mês após seu lançamento nos Estados Unidos, chegou ao Brasil o novo Kindle. Básico e acessível, ele veio para substituir com vantagens sua versão anterior.

A principal diferença é a tela sensível ao toque. Quem está acostumado com a nova tecnologia, conhece sua praticidade e fácil manuseio. Por sinal, ela já era aguardada, a medida que seus principais concorrentes já possuem essa adição há algum tempo.

Em uso, seu visor é perfeito para a leitura. Parecido com a página de um livro, ele não possui o brilho desagradável do meu iPad que possui um app Kindle instalado somente para a leitura de ebooks com imagens coloridas.

Outro ponto que merece atenção é o peso. Com apenas 191 gramas, você pode ler por horas sem se cansar. Seu processador tambem está 20% mais veloz e isso pode ser observado ao abrir ebooks, folhear páginas, destacar trechos e usar o dicionário ou tradutor.

Além disso, sua capacidade de armazenamento passou de 2 GB para 4 GB, valor suficiente para milhares de ebooks. Porém, se você costuma ler no escuro, ao contrário dos outros modelos, o Kindle "não possui luz de fundo" e esse aspecto pratico deve ser considerado no momento da compra.

Com relação a minha experiência pessoal, posso garantir que o Kindle alterou completamente minha rotina como leitora. De fácil portabilidade e manuseio, raramente, compro livros. Praticamente, só leio e-books cuja "biblioteca nas nuvens" garante economia de espaço físico sem requerer qualquer manutenção.

Não costumo usar o dispositivo como leitor de arquivos em PDF, mas já li relato de usuários relatando problemas para realizar esse procedimento, contudo, não tive a menor dificuldade para enviar livros digitais no formato Mobi para meu Kindle. Quem quiser conhecer mais a fundo o assunto, sugiro consultar o site da Amazon e pesquisar o recurso "Convert".

Para finalizar, sou cliente Amazon há quase três anos e sempre fui atendida com presteza e correção pela empresa, aliás, fato raro em nosso país. Sem dúvida, vale a pena investir no equipamento que também é um excelente presente e incentivo à leitura.
754 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
1000 PRINCIPAIS AVALIADORESem 6 de abril de 2016
Escolhi o modelo pelo preço e acho injusto dar menos do que cinco estrelas porque ele não tem luz, afinal comprei sabendo que esta era uma característica sua. Ver meu livro no aparelho Kindle foi emocionante Elle: Amor e Redenção (Jack Rock Livro 3), mas ser capaz de ler em uma tela sem reflexo e que não sobrecarregasse minha visão não teve preço. Com o comando CONVERT - enviar arquivos do seu email pessoal para o email kindle com o título CONVERT - pude enviar as transcrições e arquivos da universidade que antes eram arquivos word. Agora, além de ler, também estudo pelo kindle! Posso destacar as partes importantes e tomar notas. Leve e versátil, só falta comprar a luminária com clipe para torná-lo perfeito. Se você tem fotofobia ou não, recomendo.

Aretha V. Guedes
Autora da série Jack Rock
4 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
em 2 de maio de 2016
Pelo preço, este dispositivo é ótimo. Apesar do kindle paperwhite ter uma relação custo/benefício mais vantajosa, quando em promoção. Recomendo a aquisição do kindle para todos.
Mas a Amazon comete um pecado mortal em relação aos seus dispositivos.
A disponibilização somente de um dicionário para os kindles é um absurdo. O dicionário nativo é uma piada de mau gosto e a sua única alternativa (grande dicionário... blá blá blá) não parece ser muito melhor, mesmo sendo muito cara. Onde estão os bons dicionários? Amazon, preste mais atenção ao seu público!
4 pessoas acharam isso útil
|0Comentar|Informar abuso
1000 PRINCIPAIS AVALIADORESem 5 de julho de 2017
No fundo, no fundo, você pode achar que precisa, mas você não precisa de um kindle. A empolgação original na aquisição desse objeto é rapidamente substituída pela certeza de sua inutilidade. Nada é capaz de substituir o livro físico e, mesmo que se trate de um leitor constante e veloz, a todo momento haverá inúmeras possibilidades de livros físicos à sua disposição. Não digo que o aparelho e sua tecnologia não sejam boas: com certeza, o são. Todavia, a propaganda é tão intensa que o juízo de valor sobre sua necessidade e efetiva aplicabilidade prática são maquiados na hora da compra. Sugiro, antes de comprar, testar o equipamento e confirmar se realmente será útil em seu dia a dia.
|0Comentar|Informar abuso
em 28 de novembro de 2016
Tudo que Melissa Johnson queria era provar que era boa naquilo que fazia e, como uma excelente Guia de Turismo que era vibrou quando recebeu a oportunidade dos seus sonhos e não pensou duas vezes ao aceitar uma proposta de emprego e se mudar para Las Vegas, o que Melissa não sabia é que cairia de amores pelo seu chefe logo no primeiro dia.
Adrian também não esperava se encantar de cara por uma linda mulher que adentrou em seu escritório para uma entrevista, ele se sentiu perdido porque além de ter um currículo perfeito ela era linda, seria a sua perdição.
Mas ambos deixaram bem claro um para o outro que seriam apenas amigos e Adrian acabou usando a “amiga” Melissa para se livrar de mulheres indesejadas.
Melissa por um tempo curtiu ajudar o “amigo”, mas por quanto tempo esta “amizade” falaria mais forte do que o amor que ambos sentiam um pelo outro?
E quando ficarem cientes do amor que um sente pelo outro, como será que reagirão Melissa e Adrian? Conseguirão aceitar e acreditar? Lutarão contra tudo e todos? Inclusive contra um casamento de mentirinha armado por Adrian para ajudar a uma amiga?
Ops, falei demais, se quiserem saber mais sobre esta guia atrapalhada, mas do coração do tamanho do mundo leiam UMA GUIA ATRAPALHADA e preparem-se para rir e chorar junto com Melissa, Adrian e todos os seus amigos.
|0Comentar|Informar abuso
50 PRINCIPAIS AVALIADORESem 8 de fevereiro de 2017
Gostei muito do Kindle. Em determinadas datas, com promoções, o aparelho é realmente acessível. Não tenho problemas com memória ou bateria, e hoje aprendi a ler grifando e anotando, o que para mim é importante. Há duas críticas a fazer: primeiro que, como leio muitos textos para fins acadêmicos, eu gostaria de poder citar os textos com as páginas como se estivesse lendo o livro impresso. Essa informação, todavia, costuma ser substituída por uma contagem por posição. Acho que a academia ainda não se adaptou a isso. Por enquanto, os livros poderiam também incluir esse dado. A outra crítica é que realmente faz falta uma tela com luminosidade própria, motivo pelo qual pretendo comprar um aparelho mais novo, como o Kindle Voyage. Porém, neste caso o preço já não é tão convidativo.
|0Comentar|Informar abuso
em 27 de janeiro de 2017
Sempre fui adepta incondicional de livros físicos, o toque, o cheiro, a beleza. Entretanto, devido às demandas de mobilidade, rendi-me a tentativa de utilizar o Kindle como substituto - não podia ter feito escolha melhor. Apesar de não substituir os meus livros, que ainda são a maioria das minhas leituras, o Kindle me acompanha em viagens e no dia-a-dia de uma maneira que não poderia ter sido feita pelo meus livros físicos. Além do mais, a bateria dura horas e a armazenagem é imensa considerando o tamanho dos e-books. A única coisa que faz falta nesta edição, seria uma iluminação interna, presente em outras versões do Kindle. Para os amantes de livros: o Kindle não mata a sua paixão e proximidade com eles, ele apenas abre ainda mais as possibilidades de se encantar com a literatura.
|0Comentar|Informar abuso

Precisa do serviços de atendimento ao cliente? Clique aqui