Faça download dos Aplicativos de Leitura Kindle Gratuitos e comece a ler eBooks Kindle nos mais populares smartphones, tablets e computadores pessoais. Para enviar o link de download para seu smartphone por SMS, use o formato internacional sem espaços (Código Internacional+DDD+Número. Exemplo: +551199999999)

  • Apple
  • Android
  • Windows Phone
  • Android

Para receber o link de download digite seu celular:

Preço digital sugerido: R$ 24,90
Preço Kindle: R$ 23,66

Economize
R$ 19,24 (45%)

Leia à vontade. Mais de 1 milhão de eBooks Saiba mais
Leia de graça
OU
OU

Essas promoções serão aplicadas a este item:

Algumas promoções podem ser combinadas; outras não são elegíveis. Para detalhes, por favor, acesse os Termos e Condições dessas promoções.

Entregar no seu Kindle ou em outro dispositivo

Entregar no seu Kindle ou em outro dispositivo

Anúncio do aplicativo do Kindle

O professor eBook Kindle

4.3 de 5 estrelas 15 avaliações de clientes

Ver todos os 2 formatos e edições Ocultar outros formatos e edições
Preço
Novo a partir de Usado a partir de
eBook Kindle
"Tente novamente"
R$ 23,66

Número de páginas: 240 páginas Configuração de fonte: Habilitado Page Flip: Habilitado
Idioma: Português

Kindle Unlimited
Kindle Unlimited
Leia este e mais de 1 milhão de eBooks de graça com Kindle Unlimited. Saiba mais.

Descrições do Produto

Descrição do produto



O professor Heliseu será homenageado por uma carreira exemplar na universidade à qual dedicou a maior parte de sua vida. Enquanto prepara o discurso de agradecimento — justo ele, tão acostumado a transformar assuntos espinhosos em grandes aulas — é tomado por uma sucessão incontrolável de memórias e revisita momentos nem sempre felizes de sua vida: a convivência com o pai rígido; a morte da mãe, o tempo no seminário; o casamento com Mônica; o relacionamento conturbado com o filho; a paixão pela misteriosa Therèze. As lembranças se cruzam com a história do Brasil, desde o regime militar aos governos mais recentes, e o acerto de contas de Heliseu com seu passado transforma-se também no acerto de contas de um país com sua história.

Aqui é realizada a proeza de se aliar pleno domínio dos recursos narrativos a um instigante enredo que não deixa pontas soltas, intrigando o leitor até o ponto final. Com o lançamento do memorável O filho eterno, Cristovão Tezza tornou-se um dos mais célebres autores brasileiros. E O professor é um romance destinado a também se atrelar ao nome de seu criador: Cristovão Tezza, autor de O professor.





• O professor é o primeiro romance de Cristovão Tezza desde Um erro emocional, de 2010. Desde então, Tezza publicou o livro de contos Beatriz, o ensaio literário O espírito da prosa e a seleção de crônicas Um operário em férias.

Detalhes do produto

  • Formato: eBook Kindle
  • Tamanho do arquivo: 1177 KB
  • Número de páginas: 216 páginas
  • Editora: Record; Edição: 1 (31 de março de 2014)
  • Vendido por: Amazon Servicos de Varejo do Brasil Ltda
  • Idioma: Português
  • ASIN: B00JEMKWXA
  • Dicas de vocabulário: Não habilitado
  • Configuração de fonte: Habilitado
  • Avaliação média: 4.3 de 5 estrelas 15 avaliações de clientes
  • Lista de mais vendidos da Amazon: #21,802 entre os mais vendidos na Loja Kindle (Conheça os 100 mais vendidos na Loja Kindle)

Quais outros itens os consumidores compraram após visualizar este item?

Avaliação de clientes

Principais avaliações de clientes

Formato: eBook Kindle Compra verificada
Após o sucesso de "O Filho Eterno", romance catapultado para a lista de best-sellers, fato raro para um escritor aplaudido pela critica e ignorado por grande parte dos leitores, Cristóvão Tezza acaba de lançar seu mais novo livro, "O Professor".

Quem imaginou que o doce gosto da fama poderia seduzi-lo, vai se decepcionar. Ele continua irredutível, esbanjando talento e apostando alto numa literatura de qualidade com seu estilo realista, historicamente enraizado e sem exageros.

Dessa vez, o protagonista é Heliseu Mota e Silva, um eminente catedrático de Filologia Românica, que aos setenta anos, viúvo e solitário, está prestes a ser homenageado pelos colegas de universidade pela "carreira exemplar".

Durante uma manhã, enquanto ele tenta imaginar um discurso de agradecimento, sua vida é colocada a limpo. Nesse curto espaço de tempo, vem a tona desde sua infância difícil atéa problemática relação com o filho homossexual. Também fica claro o antagonismo entre um meio acadêmico medíocre e seu amor pela formação do português medieval, especialmente, pela "queda das consoantes intervocálicas", isto é, o processo que transformou "luna" em "lua".

Contudo, a narrativa vai além de apresentar uma impiedosa reflexão sobre a velhice, tece referências a nossa própria história, inclusive, a um passado recente e sequer a "presidenta" Dilma Rousseff é poupada, acusada de comandar o "pior governo brasileiro dos últimos 30 anos".
Saiba mais ›
4 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Formato: eBook Kindle
Excelente exercício do monólogo interior! Aliás, Tezza, que é mestre da narrativa, neste livro atinge um ponto elevado que dificilmente será superado. Em algumas poucas horas, toda uma vida é repassada e cruelmente analisada, deixando à luz do sol a irremediável solidão a que estamos todos condenados...

Luis Filipe Ribeiro
3 pessoas acharam isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Por Amazon Customer em 7 de setembro de 2014
Formato: eBook Kindle Compra verificada
Felizmente Cristóvão Tezza chegou ao patamar dos escritores que não precisam ser apresentados e cujas novas obras são sempre muito aguardadas. Também é verdade que ele se encontra na categoria (mais restrita) de escritores que já redigiu sua obra prima, dificilmente superada. De modo que O Professor atende à expectativa produzida pela novidade, mas fica à sombra de O Filho Eterno, como seria de se esperar.

O professor é Heliseu, catedrático de Filologia Românica que, aos 70 anos, reflete sobre a própria vida antes de uma homenagem à sua carreira na Universidade em que trabalha. Se em O Fotógrafo, Tezza limitou a tempo narrativo do romance a um dia, aqui a restrição é das poucas horas que antecedem a homenagem. O narrador é a própria consciência de Heliseu, recurso literário utilizado também em Um Erro Emocional, que alterna com propriedade e graça entre primeira e terceira pessoa e segue o padrão não linear, que as consciências costumam possuir, para relembrar seu relacionamento com colegas da universidade, com o filho e, especialmente, com as mulheres da sua vida. O tema central do relacionamento extraconjugal de um professor universitário lembra muito Uma noite em Curitiba, mas a história contada a partir do fluxo da consciência no lugar das narrações epistolares marca o novo livro de maneira bem distinta.

Tezza utiliza seu conhecimento do mundo acadêmico do tempo em que foi professor, embora esteja longe de ser autobiográfico, para um pano de fundo bastante crível. Não é mencionado nominalmente, mas o espaço geográfico da obra é a Reitoria da UFPR e seus arredores.
Saiba mais ›
1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso
Por Luiz Souza AVALIADOR TOP 1000 em 25 de novembro de 2015
Formato: eBook Kindle Compra verificada
O professor, como muitos já mencionaram aqui, é Heliseu Mota e Silva, catedrático de Filologia Românica (estudo do desenvolvimento de uma língua, através de documentos antigos, no caso, línguas derivadas do latim, entre elas o português). Ao ser informado que irá receber uma homenagem acadêmica, ao acordar pela manhã do dia em que ocorrerá a homenagem, faz uma reflexão de sua vida, dos setenta anos, desde criança, adolescência, casamento, casos, filho, etc. Com setenta anos, viúvo, com o filho homossexual morando do outro lado do mundo, repensa toda a sua vida e os dramas da solidão.
O livro é uma autorreflexão intimista, onde o personagem revela tudo o que passou em pontos-chave de sua vida, escancarando preconceitos, medos e amores. Em certos pontos ele revela alguns abusos e excessos, ao mesmo tempo que se tranquiliza, percebendo que também fora usado, então não há problema.
A narrativa é "completamente" não linear, achei o estilo um pouco parecido com a literatura machadiana. Existe um pouco de conteúdo bem técnico sobre filologia, acredito que quem estuda a fundo a Língua Portuguesa vai se deliciar, mas no meu caso atrapalhou um pouco, pois não haviam notas de rodapé nem explicações adicionais. É uma leitura bem "densa" e "pesada", pois o personagem está sempre relembrado fatos, mas não segue nenhuma ordem cronológica.
1 pessoa achou isso útil. Esta avaliação foi útil para você? Sim Não Enviando feedback...
Agradecemos pelos seus comentários.
Desculpe, o registro do seu voto falhou. Tente novamente
Informar abuso

Avaliações mais recentes de clientes

click to open popover