Avaliações dos clientes

16 de março de 2019
Lendo De Cabeça Para Baixo é o livro de estreia da autora Jo Platt no Brasil. Particularmente gosto muito do humor britânico, que normalmente é mais seco e inteligente, misturando sutiliza com sarcasmo. Então não espere uma comédia romântica escrachada, leia sabendo que o humor está nos detalhes. Outro ponto positivo do livro são os protagonistas mais maduros, todos na casa dos 30 anos ou mais.

O livro se inicia com a protagonista, Rosalind Shaw, mais conhecida como Ros, sendo abandonada no altar. Seu noivo fugiu pela janela da sacristia. Foi um golpe difícil de recuperar, Rosalind ficou arrasada deixando seus amigos e familiares preocupados com sua saúde física e mental.

E ficamos sabendo destes fatos pela visão da própria Rosalind, que é a narradora de sua história. E sua maneira de expor os fatos e encarar sua própria desgraça, já é cheio de humor, tornando-se uma personagem que nos cativa e que logo já nos sentimos íntimos.

Ros ficou tão debilitada que sua vida virou um borrão e chegou ao fundo do poço quando foi demitida, por não se importar com mais nada, incluindo seu emprego. Foi então que seu amigo Tom lhe arranja uma sociedade numa livraria de um ex-colega, Andrew O'Farrell, especializada em livros usados e antigos, em St. Albans, cidade perto de Londres.

Na livraria, além do intelectual e introvertido Andrew, trabalham Joan e George. A primeira uma senhora aposentada desbocada de uns sessenta anos e a segunda é uma mulher muito doce e atraente, casada e mãe de uma menina de seis anos. Os quatro, mesmo tão diferentes entre si, acabam se tornando muito amigos.

Contudo, ao se mudar para St. Albans, Ros alugou uma casinha, cuja moradora anterior deixou para trás um porquinho-da-índia, ao qual ela acabou se apegando, até que numa noite, seu vizinho bate a sua porta dizendo que acidentalmente, passou com um cortador de grama sobre o bichinho. A aparência do homem era meio desleixada, com uma barba terrível que lhe escondia quase o rosto todo, Ros achou que ele devia estar em algum tipo de programa de reabilitação de álcool.

“E fui muito rude com meu pobre vizinho, o assassino de porquinhos-da-índia, que havia passado para se desculpar. Era evidente que eu mesmo precisava pedir desculpas.”

Ao ir até casa de seu vizinho para se desculpar, descobre que o "quase mendigo" é na verdade um cara bem sucedido, que namora uma loira linda e sensual. De repente, a dinâmica da situação mudou, Ros foi com a intenção se se desculpar com seu vizinho, um possível alcoólatra ou deficiente educacional, e, em vez disso viu-se convidada para uma piedosa xícara de chá por um homem confiante e bem vestido. Ros então percebeu o quanto estava malvestida e desleixada com sua aparência.

Montado o cenário do livro, a trama se passa entre a livraria e a casa de Ros e não se foca somente nela, pelo contrario, o maior trunfo está na interação da personagem com seus amigos, familiares e vizinhos. E com essa convivência, Ros percebe que depois que foi abandonada pelo Rato (é como ela se refere ao ex-noivo), tornou-se egoísta, sempre concentrada nas suas próprias decepções.

“- Tanta coisa parece ter mudado, mas quando tento pensar sobre o que exatamente, é tudo um pouco vago. A não ser pelo fato de algum maníaco ter matado meu porquinho-da-índia, é claro.”

Em uma narrativa envolvente e divertida, Jo Platt entrega ao leitor uma história romântica (bem ao estilo Jane Austen) que enaltece a amizade verdadeira, e ao final deixa saudades no leitor.

Lendo De Cabeça Para Baixo é livro único e faz parte da "Coleção ♥ Curti. Histórias com final feliz." lançados pelo selo Fábrica231 da editora Rocco.

Resenha em: http://www.lerparadivertir.com/2019/03/lendo-de-cabeca-para-baixo-jo-platt.html
2 pessoas acharam isso útil
0Comentar Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

16 classificações de cliente12 avaliações de clientes
4,4 de 5 estrelas
R$24,95